Janela do Céu – Ibitipoca

Hoje a dica é para quem tem o pensamento de que quanto mais demorada a subida, mais incrível será o visual.

Esse pedacinho do céu fica em Conceição de Ibitipoca, na Serra da Mantiqueira, Minas Gerais. É preciso passar por quilômetros de estrada ruim, morro acima, para chegar a um pequeno povoado que ainda preserva a simplicidade.
JANELA DO CEU

São vários passeios e atrativos em Ibiti, mas hoje vamos falar sobre a Janela do Céu, que é o grande desafio do Parque Estadual do Ibitipoca. São 6.555 metros de subida até o local, totalizando 16 km ida e volta. Eu não tinha certeza se estava preparada para andar todos esses quilômetros (#sedentária #projetojô), mas me joguei. De cara você vai encontrar uma subida bem longa e cansativa, mas não desanime, depois disso a trilha vai  variar entre subidas e descidas com vegetação rústica, muitas grutas e pequenas cachoeiras no caminho.

Ibitipoca Janela do Céu
Toda a caminhada e esforço valem a pena quando você vai se aproximando da tão esperada Janela do Céu, um mirante natural de onde desemboca uma enorme cachoeira. O mais curioso é que durante o percurso você não vê nada além de árvores secas e pedras e, como se fosse mágica, você encontra um lugar fantástico com muito verde e muita água! A queda é de 100m de altura, e você pode chegar até a beira do precipício (com cuidado, claro) e sentir o nervosinho que dá misturado com uma sensação incrível de superação!
Ibitipoca Janela do Céu2

Para finalizar, ainda tivemos o privilégio de ver um pôr do sol maravilhoso na saída do parque. Ficou na memória esse dia incrível, super recomendo esse passeio que pode ser feito em apenas um final de semana (para quem mora perto, claro.)

por do sol

Agora vamos às dicas?

– Para a caminhada não esqueça de: bastante água, lanchinhos, boné, protetor solar, casaco (o clima de Ibitipoca é geralmente quente de dia e friozinho à noite), lanternas, tênis bem confortável e com a sola boa, máquina fotográfica para registrar tudo e muita disposição!

– Fizemos a caminhada em 3h30min. São 16km ida e volta.

– Não desista no meio do caminho! Com certeza em algumas partes vai bater aquela arrependimento, mas com certeza ele será maior se você desistir. O visual é a recompensa, sem falar da sensação de superação.

– Dê um mergulho na cachoeira! Renova a alma e o cansaço =)

– Comece a caminha bem cedo para não correr o risco de na volta estar anoitecendo.

No próximo post sobre Ibitipoca daremos mais informações sobre o Parque Estadual do Ibitipoca, onde ficar, comer e o que fazer a noite. Fique de olho 😉

Beijos,
Nanda