Roteiro 3 dias na Ilha de Hvar, Croácia

Tá procurando o destino perfeito para o verão europeu? A Croácia não pode ficar de fora do seu roteiro. O país oferece paisagens de tirar o fôlego e a Ilha de Hvar promete férias inesquecíveis.

São praias e ilhas ao redor que vão conquistar seu coração fazendo você entrar em contato com a natureza de forma única! Além disso, para quem busca agito, a ilha também é conhecida mundialmente como destino para os festeiros de plantão.

Nesse post compartilho com vocês um roteiro de 3 dias em Hvar para aproveitar tudo o que a ilha tem de melhor!

hvar_praia

Ficha técnica: 3 dias em Hvar

Valor

Gastei uma média de R$ 300 por dia para gastos como passeios, hospedagem, festas e alimentação. Por ser uma ilha, Hvar é bem cara. Dá pra compensar comendo em lugares mais em conta, mas não deixe de fazer os passeios principais.

Época da visita

Agosto 2016

Tipo de viagem

Natureza, praia e diversão. A ilha oferece opções para todos os gostos, desde praias, ilhas e grutas, até festas incríveis e muito agito.

Hospedagem

Fiquei no Hostel Earthers e recomendo muito! Quarto duplo com banheiro e uma cozinha por 43 euros a diária, sem contar a vista linda do mar. Fica a 20 minutos a pé do centro da ilha, tem supermercado perto e a equipe é super prestativa, deu várias dicas boas.

Como Chegar

Indo do Brasil, existem vôos da Lufthansa ou Iberia que te levam até Split ou Dubrovnik, da onde você pega um ferry até a ilha de Hvar. Split fica mais perto, a 1h30 de viagem, enquanto Dubrovnik fica a 4 horas. A passagem de ferry de Dubrovnik sai em torno de 190 kunas (95 reais) e de Split por volta de 90 kunas (45 reais).

Localização Geográfica

Dia 1

Hvar Town

Comece o dia conhecendo a parte do porto da ilha. É por lá que você chega, vindo de ferry de Split ou Dubrovnik. É no porto que você pode comprar kunas, a moeda local (1 kuna = R$ 0,50), e se informar a respeito dos passeios de barco imperdíveis que saem de Hvar.

hvar_porto

É na parte central da ilha onde ficam os bares e boates famosos e a parte mais turística e movimentada. Se você chegar cedo ou já tiver acordado lá, recomendo conhecer Stari Grad, a Old Town da ilha, que fica a 20 minutos de carro do centro. É um vilarejo bem típico croata e no caminho você pode parar em algumas praias lindas como Zarace e Dubovika. Se tiver pouco tempo, recomendo ficar por Hvar Town o dia todo mesmo.

Você pode almoçar no Fig Café, que fica logo atrás da Praça Trg Svetog Stjepana, onde foi erguida a Catedral de Santo Estevão, super bonita. O restaurante dá desconto para hóspedes do hostel Earthers e eu amei a comida! A especialidade são os flatbreads, massas de pão bem finas que lembram pizza. Provei o de cebola e tomate e minhas amigas foram no de brie, cranberry e prosciutto, cada um saiu por uma média de 55 kunas (27 reais).

hvar_fig_cafe

Hula Hula Beach Bar

À tarde, a boa é pegar sol em uma das praias da ilha. Recomendo ir caminhando em direção ao beach club mais famoso: Hula Hula Beach Bar e escolher um spot que você curta. Pode ser uma parte mais tranquila ou mais perto do agito dos beach clubs.

As praias em Hvar são em sua grande maioria de pedra, e não com a faixa de areia que estamos acostumados no Brasil.

hvar_hula_hula_beach_bar

Mais perto do horário do pôr do sol, pode seguir pro Hula Hula que já vai estar bem animado! Lá, eles servem diversos drinks diferentões direto no balde (78 kunas), que parece duvidoso, mas vai sem medo!

Também dá para ficar na cerveja por 36 kunas. Na maioria dos dias, o ritmo eletrônico toma conta do lugar, mas mesmo eu que não sou muito fã desse tipo de música curti bastante! Assistir o pôr do sol de lá foi lindo, anotem essa dica.

hvar_por_do_sol

Pub Crawl

Na primeira noite, a melhor pedida é se juntar com a galera do Hvar Pub Crawl ,que por 170 kunas (23 euros) te leva para os melhores bares da ilha, com direito a alguns drinks de graça, garante open bar por uma hora durante um passeio de barco e também dá direito à entrada de graça na Pink Champagne, uma das boates mais famosas de Hvar.

hvar_pub_crawl

O ponto de encontro é no porto e os guias usam aqueles sombreiros enormes, é fácil de identificar. Eu já fui em pub crawls muito mais baratos, mas como a ilha é cara achamos que o custo benefício vale super a pena. Aproveite tudo o que ele oferece, desde os drinks de graça até a oportunidade de conhecer pessoas do mundo todo!

Dia 2

Tour pelas Grutas Verde, Azul e Outras Ilhas

Dia de passeio de barco! Não tem como ir pra Hvar e não conhecer as famosas grutas e também algumas das ilhas e praias lindas ao redor. No primeiro dia, pesquise e compare os preços e serviços que as empresas oferecem, elas ficam em toda a orla da ilha.

hvar_gruta_verde

Nós escolhemos fazer o tour das grutas verde e azul com a empresa Hvar Boats, que ofereceu o melhor pacote: 450 kunas em um passeio de dia inteiro com paradas na gruta verde, gruta azul, ilha de Vis e ilha de Palmizana a bordo de uma lancha para 10 pessoas, com gasolina e capitão incluído.  A melhor parte? bebidas (inclusive alcoólicas!) incluídas também.

A lancha sai às 10h30 bem em frente ao estande da empresa, no porto, e retorna às 18h30. Não esquece de levar algo pra beliscar durante o dia, pois a parada para o almoço é só de tarde.

hvar_gruta_verde

A primeira parada foi na Gruta Verde, onde ficamos uns 30 minutos. Já fiquei impressionada com a cor da água e a beleza natural do lugar. As paredes esverdeadas da gruta refletem no mar que fica com uma cor linda!

É meio difícil tirar fotos que traduzam essa cor por causa da luz. Deu tempo para um mergulho delícia e partimos para a Gruta Azul, que cobra 30 kunas de entrada e rola uma fila enorme! Ficamos quase 1 hora esperando na ilha da onde saem os barcos exclusivos que entram na Gruta.

A cor da água é surreal, inacreditável. Por ser pequena e ter uma entrada super estreita, apenas barcos pequenos (levando no máximo 13 pessoas) podem entrar. Os guias explicam que a incidência da luz do sol, que entra por uma abertura mínima, nos horários entre 11h e 14h garante o efeito espetacular do azul que reflete em toda a gruta.

hvar_gruta_azul

De lá, partimos para a Ilha de Vis, a que eu estava mais animada! Tinha visto muitas vezes na internet uma foto da praia de Stiniva e fiquei apaixonada. Fiz questão de procurar um passeio que incluísse uma parada nessa praia que entrou de cara para a minha wishlist.

hvar_vis_praia_stiniva

O lugar é incrível e guarda uma praia quase que secreta, tanto que eu só descobri que aquela era a praia dos meus sonhos quando perguntei pro capitão da lancha. A visão da praia pra quem chega do alto mar é minúscula e só nadando até lá para ver a paisagem surreal que eu namorei tanto pelas fotos 🙂

A água é completamente transparente e a praia é toda de pedras brancas lindas. Você chega nadando do alto mar, passa por um espaço entre duas pedras enormes e dá nessa prainha que quem olha de fora não dá nada. Must go total de Hvar, não deixa de ir!

hvar_palmizana_restaurante_bacchus

Nossa última parada foi a Ilha de Palmizana, que fica já no caminho de volta para Hvar. Aproveitamos para finalmente almoçar e não exploramos tanto a ilha quanto eu gostaria, porque gastamos muito tempo comendo no restaurante Bacchus Palmizana, que eu recomendo bastante!

Comemos uma massa verde com camarão que tava uma delícia, acho que vale a pena pedir algum prato com frutos do mar.

Night em Hvar

Depois de um dia todo em alto mar, você pode estar cansado o suficiente para optar encerrar seu dia ali mesmo, ou, assim como nós, encarar a night animada de Hvar!

hvar_town_pubcrawl

Existem muitas opções para quem quer sair à noite. Se você esta afim de night, a boa é ir direto pro Hula Hula ou ir pro hostel descansar e se arrumar pra curtir a Carpe Diem, outra boate bem famosa que fica numa ilha próxima de Hvar. Para chegar lá, é preciso pegar um barco (de graça) na frente do Carpe Diem Bar, que fica no porto, onde você pode fazer a pré.

Se preferir ficar pelos barzinhos animados (em alguns rola música e a galera dança mesmo!), recomendo o Kiva Bar, o Nautica Bar e o Aloha Bar, todos na região do porto.

Dia 3

Praia de Pokonji Dol

Depois de uma boa noite de sono, vá tomar café da manhã no Bepo: eles servem um combo super caprichado com café, suco, torradas, manteiga, geleia e opções desde omelete, bacon e panquecas! Fica pertinho do hostel Eathers, na frente de um campo de futebol, a caminho do centro. O combo sai a 50 kunas.

Curtir o dia na praia é uma ótima pedida e eu recomendo a Pokonji Dol, que fica a uma distância de 2 km do porto e é bem tranquilo de ir a pé, além do fato do caminho ser lindo!

hvar_pokonji_dol

A praia oferece bastante infra-estrutura e conta com um restaurante/hotel de frente pro mar. Aluguei uma espreguiçadeira (50 kunas a diária) e passei a manhã toda por lá.

Recomendo almoçar no próprio restaurante da praia, chamado Mustaco, onde comi uma salada de polvo (prato típico croata) maravilhosa e tomei cervejas locais por 95 kunas no total.

Outro forte da ilha é o sorvete, assim como em toda a Croácia! Vale a pena provar todos os que você quiser 🙂

***

Hvar é uma ilha linda e 3 dias é o tempo mínimo para ficar por lá. Se você tiver disponibilidade, acrescente mais uns dois dias para conhecer com calma a Old Town, mais praias e até outras ilhas. Com certeza pretendo voltar pra esse cantinho encantador da Croácia e explorar novos lugares!

Espero que tenha gostado das dicas.

Beijos,

Duda