Roteiro de 10 dias em Bariloche e San Martin de Los Andes para curtir o inverno

Bariloche é um dos destinos preferidos dos brasileiros quando o assunto é neve! É o tipo de viagem perfeita para casais, famílias e amigos – afinal, quem não gosta de se divertir na neve, né?

Em Agosto de 2018 estivemos em Bariloche para uma viagem em família e vou compartilhar, nesse post, como ficou o nosso roteiro de 10 dias de viagem entre Bariloche e San Martin de Los Andes, uma cidadezinha super charmosa e com uma ótima estação de ski.

Confira um resumo do nosso roteiro Bariloche e San Martin:

Dia 1: Centro Cívico + passeio pela Rua Mitre
Dia 2: Cerro Catedral
Dia 3: Circuito Chico – Cerro Campanário + Lago Escondido + Cervejaria Patagônia
Dia 4: Ida para San Martin de Los Andes – Ruta Los Siete Lagos
Dia 5 e 6: Cerro Chapelco
Dia 7 : Volta para Bariloche + Vila La Angostura
Dia 8 : Piedras Blancas
Dia 9: Passeio na cidade + Noche Nórdica
Dia 10: Cerro Catedral

roteiro 10 dias bariloche
Viagem em família! Éramos 7 adultos e 3 crianças!

Antes de ler o roteiro detalhado, deixo aqui uma dica importantíssima para quem está planejando uma viagem para Bariloche: compre o seu Seguro Viagem!

Nem passa pela nossa cabeça que algum acidente possa acontecer durante as férias, mas é importantíssimo estar prevenido para não ter ainda mais dor de cabeça. Se você for esquiar, deve comprar o seguro viagem certo para esportes de neve, para que possa cobrir com as despesas, caso aconteça algum acidente na estação de ski. Leia mais: Descubra o seguro viagem ideal para praticar esportes na neve

Dia 1: Centro Cívico + passeio pela Mitre

Aproveitamos o primeiro dia para passear pelo centro turístico de Bariloche. Conhecida como Centro Cívico, a praça com prédios históricos, de frente para o Lago Nahuel Huapi reúne muitos turistas. Há uma feirinha de artesanato, onde você pode comprar produtos locais.

Seguimos para a Rua Mitre, a mais famosa, onde estão muitas lojinhas de souveniers, de roupas de frio, calçados, bons restaurantes e muitas lojas de chocolate!

Roteiro 10 dias Bariloche
A belíssima Catedral de San Carlos de Bariloche!

Não deixe de entrar na Rapa Nui, a nossa preferida. Lá dentro, além de muitos chocolates para você levar para casa, tem uma cafeteria e uma sorveteria com muitas gostosuras. E não se assuste ao ver também uma patinação de gelo no fundo da loja!

Para comer, recomendo muito a lojinha 10 empanadas, que fica pertinho do Mc Donald’s. São vários sabores deliciosos de empanadas (cogumelos, cordeiro, espinafre com creme, carne, queijo e presunto…) que são assadas na hora para você. O preço varia entre 40-70 pesos.

Roteiro 10 dias Bariloche
Empanada de espinafre com requeijão, a minha preferida!

Para jantar, tenho duas recomendações imperdíveis: o La Marmite, que fica na Rua Mitre mesmo, e tem um fondue de queijo delicioso (média de 750 pesos o fondue para 2 ou 3 pessoas).

Roteiro 10 dias Bariloche
Fondue de queijo no restaurante La Marmite

E se você está em busca de um verdadeiro bife de chorizo, vá no Boliche del Alberto, o mais famoso de Bariloche.

Nos hospedamos no Apart Del Lago, um apart hotel que fica localizado a 6km da Rua Mitre. Contei mais sobre a hospedagem no post Tudo o que você precisa saber para planejar a sua viagem para Bariloche.

Dia 2: Cerro Catedral

Mal podíamos esperar para ver neve e resolvemos ir no Cerro Catedral logo no segundo dia de viagem. O passe diário para quem vai esquiar custa em média $1.500 pesos por pessoa, na baixa temporada.

Aluguei o ski + capacete em uma lojinha um pouco antes da entrada do Cerro Catedral. Recomendo verificar antes se os equipamentos são de marcas boas e estão em boas condições, pois um equipamento ruim interfere – e muito – no seu desempenho com o ski.

Roteiro 10 dias Bariloche
O Cerro Catedral tem um visual maravilhoso para os lagos da cidade!

Dica: se você não quiser esquiar, dá para comprar o passe para subir apenas de teleférico ($600), e ficar curtindo a neve e os restaurantes que tem lá no topo da montanha. Os preços são salgados, mas vale a pena pelo visual!

Dia 3: Circuito Chico: Cerro Campanário + Lago Escondido + Cervejaria Patagônia

A avenida Ezequiel Bustillo contorna os lagos de Bariloche e possui diversos atrativos. Esse trajeto é chamado de Circuito Chico, onde as principais paradas são: Cerro Campanário, Cerro Otto, Hotel Llao Llao e Cervejaria Patagônia.

A gente deu uma adaptada e fizemos o circuito por conta própria. Estávamos de carro alugado (indicamos o site Rent Cars para você reservar) e fomos parando nos lugares onde tivemos mais interesse.

A primeira parada foi no Cerro Campanário, uma montanha bem alta com um visual panorâmico dos lagos da cidade. A subida de teleférico custa $200 por pessoa, com duração de mais ou menos 15 minutos.

Visual do Cerro Campanário com direito até à arco íris!

Lá no alto venta e faz muito frio – fica a dica! vá bem agasalhado – mas o visual compensa. É lindo demais ver todos aqueles lagos contrastando com as montanhas branquinhas de neve.

Seguimos estrada e encontramos umas placa escrito “Lago Escondido“. Ficamos curiosas e resolvemos parar e entrar na trilha que estava sinalizada. Andamos 5 minutinhos e chegamos em um lindo lago cercado por árvores. Uma paisagem linda que rendeu muitas fotos!

Roteiro 10 dias Bariloche
Lago Escondido, uma paisagem maravilhosa!

Uma amiga argentina, a Agus, me recomendou que eu fosse na Cervejaria Patagônia. Ela fica no final do “Circuito Chico” e resolvemos que seria a nossa parada para almoço. O lugar realmente vale a visita – a cervejaria foi construída de frente pro lago, proporcionando um visual maravilhoso!

Roteiro 10 dias Bariloche
Tomando um chopp de frente pro lago!

Além de tudo, o ambiente é super descolado e estava movimentadíssimo! O cardápio é bem variado, com hambúrgueres, sanduíches, petiscos, bife de chorizo, truta, pizza… E claro, bastante cerveja artesanal! O valor da cerveja custa em média $130 e um hambúrguer $300.

Veja também: 20 aplicativos de viagem que a gente usa e recomenda

Dia 4: Ida para San Martin de Los Andes – Ruta de Los Siete Lagos

Estávamos com carro alugado durante todos os dias da viagem – como éramos 10 pessoas, alugamos 2 carros e o custo acabou saindo em conta, já que eram 5 para cada carro. Estávamos com crianças, então era necessário ter mais conforto e flexibilidade nesse tipo de viagem.

Se você quiser ir até San Martin, recomendo muito que vá de carro também: a Ruta de Los Siete Lagos, que é a estrada que liga Bariloche a San Martin, é linda demais! São 7 lagos pelo caminho, com muitos mirantes para você parar e tirar fotos. De excursão, provavelmente você não vai poder parar em todos os lugares que tiver vontade, então a dica é ir de carro para fazer o seu horário.

Foto aérea de um dos lagos da Ruta de Los Siete Lagos! / @mountain_drone

Veja aqui os valores para aluguel de carro em Bariloche

Chegando em San Martin, aproveite para passear pela cidade, que é pequenininha e super charmosa! A Rua San Martin, onde está boa parte do comércio, é cheia de lojinhas de souvernirs, de chocolates, roupas de frio e você também vai encontrar muitas lojas de aluguel de ski e snowboard.

Também tem vários restaurantes deliciosos por lá. O que mais gostamos foi o Parrila Patagonia Piscis, onde comemos o MELHOR bife de chorizo da viagem inteira. Também ficamos com vontade de experimentar as trutas, que estavam com uma cara ótima!

Em San Martin de Los Andes nos hospedamos no Hotel Turismo – simples e confortável, um ótimo custo x benefício para passar três noites por lá. Veja aqui o link do hotel no Booking!

Dia 5 e 6: Cerro Chapelco

A estação de ski de San Martin de Los Andes é demais! Estrutura ótima, pistas muito boas e com árvores ao redor, o que deixa a paisagem ainda mais linda e muitas opções de teleférico para subir para várias pistas diferentes.

Roteiro 10 dias Bariloche
Esquiando no Cerro Chapelco

O Cerro Chapelco é uma ótima opção para iniciantes e avançados que procuram uma estação de ski menos turística, sabe? Na minha opinião, é muito melhor do que o Cerro Catedral – no segundo, vemos muuuitos iniciantes, que estão sempre caídos nas pistas (kkk) e que acabam sendo um perigo para quem já anda melhor, já que eles não tem tanto controle e podem te atropelar, por exemplo.

No Cerro Chapelco os iniciantes ficam mais concentrados nas pistas mais embaixo, e as pistas lá do alto são livres e ocupadas apenas por quem já anda bem. Eu achei a experiência muito melhor, tanto que fomos esquiar dois dias seguidos por lá e foi maravilhoso!

Roteiro 10 dias Bariloche
Pistas maravilhosas no Cerro Chapelco!

A entrada do Cerro Chapelco custa R$180 por pessoa para quem vai esquiar / fazer snow. Para meia diária o valor é R$145. Valores que eu paguei na baixa temporada, no início de agosto de 2018.

Alugamos o nosso equipamento na loja La Colina, que fica no centro de San Martin (Av. San Martin, 532). Tivemos uma experiência MUITO melhor do que na loja do Cerro Catedral – o equipamento da La Colina era ótimo, da marca Salomon, estava novinho, muito bem cuidado. Os ajustes foram perfeitos pra mim e eu senti que meu desempenho esquiando foi muito bom, graças também ao equipamento.

Roteiro Bariloche
Eu e Luiza nos preparando para o dia de ski, na La Colina Rental Ski

O valor para o aluguel de 1 dia do ski + capacete é R$80. Eles tem uma cabana onde podemos deixar os equipamentos na entrada do Cerro Chapelco – se você for alugar por mais dias, pode deixar lá sem problemas!

Dia 7 : Volta para Bariloche + Villa La Angostura

Dia de voltar para Bariloche, passando novamente pela belíssima Ruta de Los Siete Lagos. Na ida e na volta nos surpreendemos com paisagens de tirar o fôlego. Recomendo demais que façam esse trajeto!

Saímos de San Martin por volta das 11h da manhã e, depois de 2h de estrada, paramos na Villa La Angostura para almoçar.

Roteiro Bariloche 10 dias
O charme das ruas da Villa La Angostura

Villa La Angostura é uma cidade pequenininha e muito charmosa, com aproximadamente 11 mil habitantes. Ficou conhecida como um vilarejo chic e tranquilo, por receber visita de artistas. A gente só passeou por lá e escolheu almoçar em uma creperia simples e charmosinha, que parece ser mais frequentada pelos locais, mas, vimos ótimas opções de restaurantes mais badalados!

Roteiro Bariloche 10 dias
Crepe de Cordeiro, espinafre e queijo, uma combinação deliciosa!

Você pode optar por se hospedar em Villa La Angostura e aproveitar para esquiar no Cerro Bayo, outra estação de ski que fica pertinho dali. Deve ser uma delícia curtir a tranquilidade e o charme da Villa por mais alguns dias!

Veja opções de hotéis em Villa La Angostura

Dia 8 : Piedras Blancas

Dia de se divertir muito na neve! O Piedras Blancas é uma estação de “esquibunda”, com várias pistas para você descer com o seu trenó. A verdade é que a gente se sente no jogo do Mario Kart, apostando corrida com os amigos, fazendo ultrapassagens perigosas e derrapando na banana no gelo!

Roteiro 10 dias Bariloche
Descende de trenó em uma das pistas do Piedras Blancas

O passe para subir de teleférico com direito a 6 descidas nas pistas custa $1.000 e se você quiser subir apenas para curtir o visual lá de cima, custa $400. Valores para a baixa temporada, no início de Agosto de 2018.

tudo branquinho no Piedras Blancas!

A dica para aproveitar o Piedras Blancas, é conferir as condições da neve antes de ir. Quando não neve, fica apenas gelo nas pistas, muitas vezes com muita lama! O ideal é você ir até lá bem cedinho (antes que muita gente desça de trenó e deixe as pistas ruins) para aproveitar a neve fofinha que caiu à noite. Veja informações sobre as condições no Facebook do Piedras Blancas.

Dia 9: Passeio na cidade + Noche Nórdica

Aproveitamos o penúltimo dia para passear pela Rua Mitre e e fazer comprinhas para levar para casa. Como dicas são sempre bem vindas, aqui vai uma listinha dos chocolates que eu mais gostei na loja Rapa Nui:

  • Franui: uma caixinha com framboesas congeladas, cobertas com chocolate branco e chocolate preto. É uma delícia! Mas, eu trouxe pra casa e achei que as framboesas ficam mais saborosas lá. Elas ficam azedas rápido!
  • Avelãs e Amêndoas cobertas com chocolate: hummmmm!! que delícia! Elas vêm em uma caixinha roxa, muito muito gostoso.
  • Tableta Gota: barra de chocolate em formato de mini corações. Chocolate ao leite recheado com doce de leite e amêndoas. sensacional!
  • Fondue de chocolate de microondas: um potinho com um “tablete” de chocolate. É só colocar no micro e comer com frutas!

Depois de andar bastante e comer, de novo, mais uma empanada no 10 Empanadas, voltamos para o hotel para nos prepararmos para o passeio da noite.

O Noche Nórdica proporciona uma experiência super diferente em Bariloche: é um passeio noturno onde andamos de moto-neve no meio da montanha, passando por árvores cobertas com neve e depois jantamos em um restaurante aconchegante, também no meio da montanha!

de moto neve durante o passeio Noche Nórdica

O jantar é muito caprichado, com fondue de 4 queijos e vinho à vontade. O valor do passeio é um pouco salgado, em torno de R$650 por pessoa, mas, se você puder desembolsar, vale a pena! Adoramos a experiência e recomendamos =)

Dia 10: Cerro Catedral

Encerramos a nossa viagem esquiando mais um dia no Cerro Catedral!

Dica super importante: veja as condições da estação antes de ir até lá! No dia anterior, a gente foi cedo pro Cerro e nos deparamos com todas as pistas fechadas, exceto a “Princesa 1”, que é de iniciante. Era sábado, então estava tudo lotado e sentimos que eles não faziam questão de avisar que as demais pistas não estavam em funcionamento.

Conclusão: só descobrimos que tudo estava fechado depois de usar o nosso passe e subir o teleférico. Lá em cima, a pista estava lotaaaaada, mal dava para esquiar e perdemos muito tempo subindo de novo no lift. Não vale a pena mesmo se tiver com pistas fechadas!

roteiro bariloche 10 dias
Visual lindo do Cerro Catedral!

Nos falaram que no site eles informam as condições, então fica a dica pra você não perder dinheiro: veja sempre o site antes de ir!

No último dia já estava tudo normalizado e lá fomos nós nos despedir da neve. Confesso que, depois de esquiar no Cerro Chapelco com o ótimo equipamento que aluguei no La Colina (em San Martin), foi difícil me adaptar ao ski que aluguei lá no Cerro Catedral. Era domingo, as pistas estavam cheias e eu acabei não aproveitando como gostaria!

Resolvi curtir o restaurante que fica ao lado do teleférico Amancay, que tem várias opções de sanduíches e um chocolate quente delícia! Foi ótimo curtir a tarde ali com a família, de frente pro visual lindo da montanha branquinha!


Espero que vocês tenham gostado do meu roteiro e que sirva de inspiração pra viagem de vocês! Qualquer dúvida, é só deixar nos comentários. Acompanhe o Mala de Aventuras no INSTAGRAM para ficar por dentro das viagens em tempo real!