Seguro viagem para o Canadá

É necessário ter seguro viagem para o Canadá?

Você que é viajante de carteirinha sabe da relevância de organizar com antecedência toda a papelada necessária, antes de organizar as malas e partir para o próximo destino, né? O post de hoje é para quem está organizando viagem para terras canadenses: aqui, você vai descobrir se é necessário ter um seguro viagem para o Canadá.

Em alguns países, o seguro viagem é uma obrigatoriedade para turistar. Em outros, não. Mas o que faz mesmo esse tipo de documento ser adquirido muitas vezes nem é o cumprimento de uma obrigação legal. Na verdade, o seguro viagem é um investimento que pode acabar valendo muito a pena.

Já adianto aqui que, quando a Gaia viajou para o Canadá, ela nem pensou duas vezes antes de contratar um seguro viagem. Para uma viagem de 10 dias, o seguro custou cerca de R$150 (R$15 por dia). Clique aqui para fazer a sua cotação no Seguros Promo, o site que ela indica e sempre usa em suas viagens.

Leia também: Vancouver – as melhores dicas para você planejar a sua viagem

É obrigatório ter seguro viagem para o Canadá?

Uma pergunta muitíssimo importante a se fazer é: meu país de destino exige o seguro viagem aos turistas? Caso a resposta seja positiva, não tem nem como pensar duas vezes: o seguro tem que ser contratado.

Os países que estabelecem essa exigência são os que integram o Tratado de Schengen. Dentre outras exigências, o tratado estabelece que turistas devem contratar seguro viagem de pelo menos € 30.000 de cobertura para acessar os países signatários. Fazem parte do Tratado de Schengen Alemanha, Bélgica, Dinamarca, Espanha, Finlândia, França, Grécia, Itália e Portugal, entre outros.

O Canadá não faz parte desse grupo de países, o que significa que as autoridades migratórias locais não exigem esse documento por lá. No entanto, seguimos recomendando fortemente que você contrate um seguro viagem para o Canadá. Veja alguns motivos:

1) Um seguro viagem pode te poupar de gastos maiores

Sea to Sky Gondola Sky Pilot Suspension Bridge
Foto: Tourism Vancouver/ Sea to Sky Gondola / Paul Bride

Para os leitores assíduos do blog vai ficar um pouco redundante falarmos mais uma vez sobre a importância da contratação de um seguro viagem. Mas, aos desavisados, fica a dica: garantir um plano de seguro adequado à sua aventura pode salvar sua pele em caso de acidentes ou imprevistos de vários tipos.

Além disso, o seguro não representa nenhum gasto absurdo a mais na sua trip. Você pode encontrar um por menos de dez reais diários. Vale super a pena, se levarmos em conta os perrengues que você pode evitar adquirindo um!

Muitas coberturas voltam-se a emergências médicas, mas outras podem garantir amparo em outras situações indesejáveis. Alguns seguros, por exemplo, cobrem assistência em caso de perda de documentos ou extravio de bagagens.

2) O atendimento médico a turistas pode custar muito caro

O Canadá tem um sistema de saúde público bem eficiente. Canadenses, residentes permanentes e, em alguns casos, estudantes, podem desfrutar gratuitamente da rede. Já para turistas, o usufruto desses serviços de saúde é pago. E, preste atenção: não estamos falando aqui de um mero valor simbólico, não!

Em território canadense, os preços de serviços médicos podem alcançar valores consideráveis. Uma consulta clínica sem agendamento prévio pode custar pelo menos CAD$100, enquanto que a extração de um siso pode sair por CAD$800 ou mais, e uma perna quebrada pode te fazer gastar até CAD$40.000! #chocada

Em geral, não há atendimento médico privado no Canadá — há algumas exceções, como dentistas e oculistas. Caso enfrente necessidade de atendimento médico emergencial, o turista precisa se encaminhar a algum hospital ou solicitar uma ambulância por meio do número 911. Em situações menos críticas, há a possibilidade de recorrer às “walk in clinics”, que atendem pacientes diariamente, por ordem de chegada.

Importante frisar que nem todos os estudantes residentes no Canadá têm acesso gratuito ao sistema público de saúde por lá. Estudantes que não tenham completado o período de carência para usufruto do sistema público de saúde devem garantir, antes da partida para território canadense, um seguro saúde de cobertura internacional. British Columbia e Saskatchewan exigem carência de seis meses, enquanto Alberta exige de um ano.

3) O turismo de aventura apresenta riscos

False Creek Vancouver
Foto: Tourism Vancouver/ Rishad Daroowala

Os viajantes de perfil mais ousado sabem bem que o Canadá é um destino atrativo para a prática de atividades radicais. Durante o inverno, quando as montanhas se enchem de neve, o país recebe muitos turistas adeptos dos esportes de neve. Nessa época, cidades como Vancouver abrem suas estações de ski e snowboard, que estão entre as melhores do mundo.

Por sua vez, localidades como Banff, Lake Louise e Jasper, por exemplo, presenteiam os turistas com lagos cristalinos. As visitas a esses paraísos pedem caminhadas e passeios de bicicleta, canoa e caiaque. Para os viajantes mais radicais, há a possibilidade de mergulhos congelantes, trilhas e escalada. Há também um outro post onde você pode se inspirar com um roteiro de cinco dias por Banff e Jasper!

Caso você esteja planejando uma viagem no estilo radical, é crucial garantir um bom seguro viagem para o Canadá. Afinal de contas, não vale a pena contar com a sorte nessas ocasiões, já que o risco envolvido na realização de passeios de aventura e esportes radicais é real.   

Na hora de selecionar o seu seguro, leia meticulosamente o contrato e assegure-se de que ele cobre possíveis acidentes decorrentes das atividades que pretende realizar na sua trip. Se o assunto for viagem de neve, leia este post com boas dicas para você escolher um seguro viagem adequado para praticar esportes como ski e snowboard.

Dica extra

E aí, se convenceu da importância de contratar um seguro viagem para o Canadá? Torço para que as informações compartilhadas aqui te ajudem no planejamento da sua aventura. Finalizo esse post com uma dica ótima para você!

A gente usa e recomenda o Seguros Promo e conseguimos um cupom de desconto para você economizar nas suas viagens! É só inserir MALADEAVENTURAS ao finalizar a compra.

O bom é que você faz o contrato dentro do site de maneira prática e rápida! Eles comparam diversos planos de seguradoras diferentes e apresentam de maneira resumida as melhores opções. Lembre-se de ler sempre as condições de cada plano antes de fechar. Clique aqui para fazer sua cotação.

Para mais informações, consulte o Portal Consular do Canadá.