Mambaí

Mambaí: dicas para você planejar a sua viagem

Você também sempre se surpreende com as belezas naturais do Brasil? Uma de nossas últimas aventuras desbravando nosso país foi Mambaí, uma pequena cidade no interior de Goiás com diversas trilhas, cachoeiras e outras atividades de ecoturismo. Essa é a viagem perfeita para quem curte estar em contato com a natureza em um lugar ainda pouco explorado. Neste post você encontrará todas as informações para você planejar o seu roteiro por Mambaí: onde fica e como chegar, a melhor época para ir, onde se hospedar, os melhores passeios e outras dicas!

Eu nunca tinha ouvido falar de Mambaí até semanas atrás. Descobri esse pequeno paraíso do Cerrado por acaso, em uma conversa com a Luisa, do blog Leve na Viagem. Ela me contou da existência desta cidadezinha goiana e eu logo fiquei encantada para conhecê-la. Decidi a viagem de última hora e uma semana depois estava embarcando para Brasília para passar o feriado lá com meu namorado.

Se eu tivesse mais tempo para explorar Goiás, com certeza faria uma viagem de carro visitando outros destinos de natureza exuberante do estado: a Chapada dos Veadeiros e Pirenópolis. Se você tiver estes dias a mais, fica a dica!

Onde fica Mambaí e como chegar

 

O aeroporto mais próximo de Mambaí é Brasília. Portanto, se você está saindo do Rio ou de São Paulo, fique de olho em promoções de passagens aéreas para o BSB (Aeroporto Internacional de Brasília). É possível encontrar voos por R$200 se você comprar com antecedência. A gente costuma usar o site Kayak para ficar de olho nas promoções. É possível também colocar alertas para o destino de seu interesse.

De Brasília à Mambaí, o tempo de estrada será de cerca de 4 horas. O ideal é alugar um carro para fazer este trajeto com tranquilidade e, também, para que você possa se locomover para os passeios. Alugamos o nosso através da RentCars, um site que faz comparação de preços de diversas locadoras. Num geral, eles sempre encontram as melhores ofertas do mercado.

Estradas de Goiás
Dica: alugue um carro

Caso você opte por transporte público, seguem algumas dicas que podem auxiliar o seu planejamento:

Há uma empresa que faz o trajeto Brasília x Mambaí. Anota aí: Real Sul. Outra opção é pegar um ônibus para Alvorada do Norte e de lá pegar outro ônibus com destino a Mambaí. Este passa por volta das 18h em diante. Empresas de ônibus que param em Alvorada do Norte: Real Expresso, Rápido Federal, Novo Horizonte.

*Não podemos confirmar com certeza o trajeto de ônibus. As informações que compartilhamos aqui com vocês foram baseadas no que moradores locais de Mambaí nos sugeriram.

Curte ecoturismo? Confira esse roteiro de 10 dias pela Chapada das Mesas + Lençóis Maranhenses.

Melhor época para visitar Mambaí

Procure evitar os meses de Novembro a Abril, pois é a época das chuvas e a probabilidade de você não conseguir realizar determinados passeios por conta do nível da água é grande. Além disso, um dos principais passeios de Mambaí são os Poços Azuis, que ficam turvos com as chuvas.

O ideal é buscar os meses mais secos, entre Maio e Outubro. Nós fomos em Setembro e encontramos céu limpo, temperaturas amenas e noites estreladas! Aliás, para quem curte fotografia noturna, prepare câmera e tripé, porque vale a pena gastar algumas horinhas observando as estrelas.

Onde se hospedar em Mambaí

Hotel em Mambaí
Hospedagem em Mambaí

Uma opção de pousada bem legal é a Mambaí Inn, principalmente, por ser bem localizada, já que fica em uma área bem sossegada da cidade. Os chalés são bem confortáveis e espaçosos. Mesmo sendo bem simples é um lugar agradável, bem acolhedor e a equipe que trabalha lá é nota 10.

Para quem quer economizar e estar ainda mais em contato com a natureza, nós indicamos o camping Luar Encantado. Além da paisagem que é sensacional, com um riacho ao fundo, as instalações são excepcionais. Tem cozinha coletiva, banheiros com água quente, wi-fi e até piscina. Você também pode optar por incluir ou não o café da manhã.

Passeios imperdíveis em Mambaí

A maioria dos passeios em Mambaí necessita de guia. Por isso, já deixamos aqui a dica da empresa que contratamos todos os passeios: a Cerrado Aventura. Eles foram bastante atenciosos e nos auxiliaram em toda a pré-viagem, inclusive com dicas de hotéis e restaurantes.

Paraíso do Cerrado

Cachoeira Paraíso do Cerrado
Cachoeira Paraíso do Cerrado

A Cachoeira Paraíso do Cerrado tem um poço enorme e é uma delicia para nadar. Ela fica localizada em um município vizinho, chamado Damianápolis. Saindo do Centro de Mambaí, são cerca de 40 minutos até você chegar no início da trilha. Depois de pagar a entrada, que custa R$10 por pessoa (ela fica em propriedade privada), é só descer por uma trilha que leva cerca de 15 minutos.

O ideal é conhecer essa cachoeira entre 11h e 15h, pois a partir das 16h já começa a escurecer e a água já não fica tão clara e verdejante sem a incidência do sol. Eu cheguei por volta das 16h e o sol já tinha começado a se esconder. Ela continuou sendo uma bela cachoeira, mas aconselho você a chegar mais cedo para aproveitar o dia.

OBS: esta cachoeira não necessita de guia.

Poços Azuis

Poço Azul, Mambaí
Poço Azul, Mambaí

Essa trilha requer guia e disposição, que são recompensados ao chegar em três poços de coloração azul esverdeada muito lindos! A trilha é considerada de nível médio e leva cerca de 1:30h.

Outra atividade legal que pode ser combinada com a visita aos Poços Azuis é a tirolesa de 320m de comprimento e 102m de altura que fica no mesmo terreno.

Leia mais sobre o Poço Azul de Mambaí neste post completo sobre este passeio.

Rapel na Cachoeira do Funil

Rapel na Cachoeira do Funil
Rapel na Cachoeira do Funil

Para os mais aventureiros, esse rapel é imperdível! Vá na parte da manhã e garanta um visual incrível com direito a arco íris. Aliás, tem um post completo com todas as informações sobre esse passeio para a Cachoeira do Funil aqui no blog.

É possível também fazer um pêndulo na cachoeira. E depois de experimentar uma boa dose de adrenalina, nada como relaxar nos poços da Cachoeira do Funil.

Cachoeira do Alemão

Cachoeira do Alemão
Cachoeira do Alemão

A Cachoeira do Alemão é acessível por uma trilha leve, que não leva mais do que 10 minutos. A cachoeira tem uma queda deliciosa e mais parece uma prainha no cerrado. O fundo é de areia e a água é quentinha, ou seja, uma delicia para nadar!

Para chegar até lá, é necessário o acompanhamento de um guia, pois ela fica em propriedade privada.

Por do sol na divisa GO/BA

Por do sol no Cerrado
Por do sol no Cerrado

Uma dica que recebemos dos nossos guias foi ir até a estrada que marca a divisa entre os estados de Goiás e da Bahia. O lugar não tem nome nem marcação, mas com as direções que eles nos passaram, pudemos observar o sol se por lentamente em uma explosão de tons alaranjados no céu.

Checklist para a viagem

Embora as trilhas de Mambaí sejam de nível leve a médio, tem alguns itens que não podem faltar na sua mochila. Fizemos um checklist para te ajudar a lembrar de todos eles.

– Tênis ou bota para trilha
– Legging ou calça confortável para este tipo de atividade
– Boné ou chapéu
– Saco estanque para itens valiosos, como carteira e cameras

Você pode gostar também:

Conheça o Caminho de Cora Coralina, outro roteiro imperdível pelo interior Goiás.


Cadastre seu e-mail e receba novidades!

faça parte da nossa lista, é de graça!

I will never give away, trade or sell your email address. You can unsubscribe at any time.