Chapada Diamantina: conheça a Gruta da Pratinha e a Gruta Azul

Em plena Chapada Diamantina, existe um pequeno paraíso de água cristalina chamado Pratinha. Essa gruta, onde é possível fazer flutuação na companhia de peixes e tartarugas, está localizada dentro da Fazenda Pratinha, onde você encontra também a Gruta Azul e o Lago da Pratinha, que te convida para um bom mergulho em suas águas calmas e quentinhas. Se você está curioso para conhecer esse lugar incrível, confira o post de hoje, onde conto

Pratinha Chapada Diamantina

A Pratinha é um must para quem vai conhecer a Chapada Diamantina. Com água claríssima e uma vibe de praia, ela é perfeita para relaxar e se refrescar nos dias de calor que faz por lá.

Veja também: passo a passo para você planejar sua viagem para a Chapada Diamantina

Localizada em propriedade privada, é necessário pagar R$20 de entrada para ter acesso aos atrativos. Ao chegar na Fazenda da Pratinha, você há um grande estacionamento onde você vai deixar seu carro. Dali você anda por uns 10 minutos até chegar no Lago da Pratinha.

Ao lado da piscina natural de água quentinha, você vai encontrar um restaurante, lanchonete, banheiros, mesas e cadeiras. A infraestrutura é simples, mas ótima! No dia em que fomos, era um sábado de sol e estava muito cheio, por isso não tenho boas fotos.

Fica aqui a dica: procure evitar de ir em sábados e feriados, pois a tendência é ficar cheio.

Além do Lago, você pode fazer atividades extras, como tirolesa e flutuação. Nesta última, você vai até o interior da Gruta da Pratinha que só é permitido conhecer desta maneira, pois não é permitido pisar lá para preservar o local. Equipado com snorkel, colete salva vidas e pé de pato, você vai ter a oportunidade de ver formações rochosas incríveis, peixinhos, e se você tiver sorte, até tartarugas!

Se você estiver por lá entre 14h e 15h, vale a pena dar uma ida até a Gruta Azul. Você vai andar cerca de 15 minutos para chegar lá e se deparar com essa vista linda da foto abaixo. Esse é exatamente o horário para ir, pois é nesta hora que entra um feixe de sol pela abertura da rocha e invade o lago que ganha tons azulados e mostra a incrível água transparente, além de alguns peixinhos, que a gruta abriga. Por conta da profundidade, cerca de 70m, ela é fechada para mergulho e flutuação.

Como lá na Gruta Azul é só contemplação, muita gente prefere não ir. Realmente, é difícil deixar a água calminha e deliciosa da Pratinha para ir lá. Mas eu fui e achei que valeu a pena.

Gruta Azul Chapada Diamantina

Depois da Fazenda da Pratinha, você pode seguir viagem e parar na Gruta Torrinha e assistir ao por do sol no Morro do pai Inácio. Esse é um ótimo combo para um dia.

Se você estiver com um grupo, vale a pena alugar um carro para fazer esses passeios. Caso esteja sozinho ou não se sinta seguro de dirigir por lá, você encontrará diversas opções de tours nas ruas de Lençóis. Dá para fechar por lá mesmo esse passeio.

Onde se hospedar

Geralmente, os viajantes que vão conhecer a Chapada Diamantina escolhem um ponto de apoio, ou seja, uma cidade a partir de onde eles vão fazer todos os passeios, ou fazem um circuito e vão de carro parando ao longo do caminho.

Independente da forma que você optar por conhecer a região, esse passeio pode ser feito partindo de Lençóis. Esta é a cidade que tem melhor infraestrutura por lá, tem muitas opções de hotéis, restaurantes e barzinhos. Outra opção é o Vale do Capão, que tem uma vibe mais paz e amor.

Onde fica e como chegar

A Fazenda da Pratinha está localizada na região norte da Chapada Diamantina, no município de Iraquara, a mais ou menos 1h de Lençóis.

É sempre melhor utilizar algum app de geolocalização né? Eu adoro o Here Maps. Mas vou tentar dar as direções: saindo de Lençóis pela BA144, você vai pegar a BR242 no sentido de Palmeiras. Depois disso, você vai pegar a BA 480 em direção a Iraquara. Há placas indicativas até você chegar na Fazenda da Pratinha.como chegar na pratinha

Quanto custa

  • Entrada na Fazenda da Pratinha R$ 20
  • Flutuação na Gruta da Pratinha R$30
  • Fotos da flutuação(20 fotos para um casal) R$40
  • Tirolesa R$15
  • Wifi R$5
  • Almoço para 2 pessoas R$45

(Preços Dezembro de 2015)

Esse passeio não precisa de guia, mas se você preferir contratar os serviços de um, custa em média R$40 por pessoa se você for com um grupo.

Checklist com itens essenciais para o passeio

Fiz uma pesquisa de onde encontrar os melhores acessórios que citei abaixo. Para conferir é só clicar em cima do que te interessou!

Mochila de ataque de 30-40l;
Tênis ou bota de caminhada confortável;
Roupas leves com proteção UV (eu não sabia o quanto era bom ter roupas com proteção até eu usar nessa viagem);
Chapéu ou boné;
Óculos de sol;
Lanterna;
GoPro (para registrar todas as paisagens lindas);
Camel back (reservatório de água com aquela mangueirinha sabe?);
Toalha de secagem rápida (essencial para os mergulhos nas cachoeiras);
Roupa de banho;
Lanchinho para a hora que bater a fome;
Sacolinha de lixo (para não deixar vestígios no caminho).

Mais da Chapada Diamantina

Tudo o que você precisa saber para planejar sua viagem para a Chapada Diamantina

Dicas para conhecer a Cachoeira da Fumaça: a segunda maior do Brasil

Trekking pelo Vale do Pati: Cachoeirão, Castelo e Casa da Dona Raquel

3 cachoeiras para conhecer no Vale do Capão: Purificação, Rio Preto e Conceição dos Gatos

Vale do Capão: Trilha Morrão e Águas Claras

 

Buy us a coffee (3)

Cadastre seu e-mail e receba novidades!

faça parte da nossa lista, é de graça!

I will never give away, trade or sell your email address. You can unsubscribe at any time.

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *