Recentemente tivemos o privilégio de explorar toda a beleza natural do Jalapão e é claro que não poderíamos deixar de conhecer a principal atração da região: Os fervedouros.

As águas que brotam da terra e não nos deixam afundar parecem até que são mágicas e eu acho que isso tudo contribui para o Jalapão ser um destino fascinante!

Se você está planejando conhecer as belezas dessa região e seus fervedouros, esse post é perfeito. Além de te contar mais sobre o que são os fervedouros, fizemos uma lista bem completa dos fervedouros do Jalapão, dos mais badalados, até os menos conhecidos.

Continue lendo e anote todas as dicas!

Newsletter
cadastre-se gratuitamente

Quer viajar mais e melhor?

Baixe nosso e-book com 30 dicas exclusivas
para você planejar e economizar nas suas viagens!
Bônus

checklist para uma mala impecável

a melhor planilha de planejamento de viagens dessa internet

E o melhor?
Todo esse material é gratuito!


O que são os fervedouros do Jalapão?

Se você ainda não conhece, fervedouro é como chamamos as nascentes de rios subterrâneos que afloram na superfície formando piscinas naturais bastante curiosas. Mas o que há de tão curioso nesses fervedouros afinal? A pressão dessa água que, literalmente, brota do chão é tão grande que você não consegue afundar por mais que tente.

Há quem diga que a sensação de flutuação dentro de um fervedouro é semelhante à do Mar Morto, que por conta da salinidade da água faz com que a gente flutue com facilidade. Mas verdade seja dita, a beleza dos fervedouros é inigualável e só conhecendo para compreender o quanto a natureza foi generosa com o Jalapão ao criar esse cenário maravilhoso.


Aproveite para ler o nosso roteiro completo de 8 dias no Jalapão e Serras Gerais:
Roteiro Jalapão e Serras Gerais: 8 dias de muitas cachoeiras, fervedouros e paisagens de tirar o fôlego


Qual é a profundidade de um fervedouro do Jalapão?

Muita gente tem curiosidade sobre a profundidade dos fervedouros do Jalapão. A verdade é que existem centenas de fervedouros e eles possuem uma grande variedade de cores, tamanhos e profundidades.

Alguns chegam a incríveis 75 metros de profundidade! Mas pode relaxar! Conforme disse anteriormente, afundar em um fervedouro não é tarefa fácil, então mesmo que ele seja fundo, é só relaxar e flutuar em meio aquela paisagem sensacional.

Dentre os fervedouros famosos, o Bela Vista é um dos maiores com 15 metro de diâmetro e 35 de profundidade. 

fervedouros jalapão dicas
No final do post tem uma lista com dicas de itens essenciais para quem visita os fervedouros!

Qual é a temperatura da água de um fervedouro do Jalapão?

Definitivamente essa era uma das minhas maiores curiosidades ao conhecer os fervedouros do Jalapão. Eu pensava que a água seria quentinha, já que o nome “fervedouro” me lembra água fervida, quentinha… Mas, não é bem assim!

Eles chamam de fervedouros por causa da bolinhas que se formam das nascentes. Fomos em Julho e achei a água bem fresquinha – refrescante durante o dia, quando as temperaturas estão altíssimas, mas um pouco fria de manhã cedo e no final de tarde, quando o sol não está forte.

A dica é ter sempre uma toalha na mochila para não sentir frio ao sair dos fervedouros!


Onde fica e como chegar em um Fervedouro do Jalapão

Há três cidadezinhas principais próximas ao Parque Estadual do Jalapão, que servem de base para os turistas. A cidade mais próxima dos fervedouros é Mateiros – você pode se hospedar em algum hotelzinho da região e conhecer os fervedouros de carro. A maioria deles fica em propriedades privadas!

Para chegar até eles um veículo 4 x 4 é essencial, pois a maior parte das estradas é toda de areia fofa. Somado a isso, não espere muita sinalização indicando a direção. Por isso, recomendamos contratar seus passeios e traslados com uma agência.

Nós reservamos tudo com a Canindé Ecotour e nossa experiência foi incrível. Nosso guia foi muito atencioso e nos levou para conhecer os melhores fervedouros em horários estratégicos para fugir das filas que costumam se formar na entrada.


Fervedouros do Jalapão: 12 fervedouros imperdíveis para incluir no seu roteiro

Com tantos fervedouros fica até difícil escolher quais visitar. Resolvemos te ajudar contanto um pouco mais sobre os 12 melhores fervedouros do Jalapão – dessa forma vai ficar mais fácil montar seu roteiro de viagem!

Abaixo, um resumo com os 12 fervedouro do Jalapão que a gente visitou e amou! Continue lendo para saber mais informações de cada um deles!

1. Fervedouro Buriti
2. Fervedouro Bela Vista
3. Fervedouro Buritizinho
4. Fervedouro Ceiça
5. Fervedouro Alecrim
6. Fervedouro Veredas
7. Fervedouro Macaúbas
8. Fervedouro Licuri
9. Fervedouro Rio Sono
10. Fervedouro Por Enquanto
11. Fervedouro Encontro das Águas
12. Fervedouro Borboleta


Os mais famosos:

Vamos começar então nosso passeio pelos fervedouros do Jalapão por aqueles que são mais conhecidos. Mas antes de qualquer coisa, preciso avisar que é importante planejar bem sua visita a esses fervedouros em específico, pois costumam ficar bem cheios dependendo da época do ano.

Como há limite de pessoas por vez nos fervedouros, converse com seu guia e escolha um horário mais tranquilo. Assim, você não só evita fila, mas tem a sensação de que o lugar foi reservado só para você.

1. Fervedouro Buriti (formato de coração)

Esse é um dos fervedouros mais conhecidos do Jalapão. Seu formato de coração em meio aos pés de buritis e bananeiras já foram fotografados por milhares de turistas. Aliás, o nome desse fervedouro é justamente por conta dos buritis que crescem ao seu redor.

A água é muito transparente e sua cor varia entre o verde e o azul dependendo da incidência de luz solar durante o dia. Para chegar até o Fervedouro Buriti você vai andar por uma trilha bem tranquila de, no máximo, 5 minutos. Vale lembrar que ele possui capacidade de 10 pessoas por vez e o tempo máximo de permanência é de 20 minutos.

fervedouro buriti jalapão
Fervedouro Buriti | Foto: @brenomadeira

O ingresso para o Buriti custa R$15,00 e você compra seu ingresso logo na entrada da propriedade. Há também um restaurante onde é possível almoçar e comprar bebidas.


2. Fervedouro Bela Vista

Se o Fervedouro Buriti é um dos mais conhecidos, o Bela Vista é um dos mais bonitos. Nós tivemos a sorte de nos hospedar na Pousada Bela Vista, bem onde fica o fervedouro, então tivemos a oportunidade de fazer a visita noturna e conhecer o local bem cedinho sem mais ninguém por perto.

Os números do Bela Vista impressionam. A piscina natural formada por essa nascente possui 15m e é o mais profundo de todos, apesar de não dar para perceber, já que a pressão da água não nos deixa afundar.  A água possui um tom de azul tão intenso que as fotos ficam impressionantes.

fervedouros do jalapão
Fervedouro Bela Vista! Foto: @brenomadeira

Outro ponto positivo sobre o fervedouro Bela Vista é que a infraestrutura para receber os turistas é muito boa. Há restaurante que oferece almoço e jantar, camping e mergulho noturno. A entrada custa R$15,00 e sua capacidade é de 10 pessoas por vez.


3. Fervedouro Buritizinho (o menor)

Ele é bem pequenininho no tamanho, mas sua beleza não tem igual. Seu nome também deriva das bananeiras e buritis que crescem ao seu redor, que junto com a água azul turquesa criam um cenário de filme. A nascente do Buritizinho é mais profunda e isso faz com que a nossa sensação de flutuação não seja tão grande.

Dentro da propriedade do fervedouro Buritizinho há também um trecho do Rio Formiga e lá é possível praticar boia cross e logo em seguida almoçar no restaurante. Por ser menor, a capacidade de turistas no Buritizinho é de apenas 6 pessoas e o ingresso também custa R$15,00. Entretanto, o boia cross é pago a parte por R$10,00.

fervedouro buritizinho
O Fervedouro Buritizinho é um dos menores, mas super fundo. Um charme!

4. Fervedouro Ceiça

Em seguida, o Fervedouro Ceiça carrega o título de ter sido o primeiro a ser descoberto e aberto ao público. Isso o transforma em um dos mais visitados do Jalapão Por ser uma nascente principal, a pressão da água que brota aqui é muito forte e a flutuabilidade é incrível. É um lugar ótimo para mergulhar e fazer fotos debaixo d’água, mas lembre-se de não estar usando repelente ou protetor, pois é proibido.

A área do Ceiça não conta com restaurante ou outras estruturas para turistas. A capacidade de turistas por vez é de 10 pessoas. Planeje sua visita com cuidado, pois se houver fila só é possível ficar na nascente por 10 minutos. O ingresso custa R$20,00 por pessoa.


5. Fervedouro Alecrim

O Alecrim foi um dos primeiros fervedouros que eu conheci e logo de cara já gostei. Ele lembra bastante o Bela Vista, mas suas águas são em tom esverdeado. Nele há diversas nascentes e variados níveis de flutuação. Na nascente principal, por exemplo, a pressão é maior e você consegue flutuar mais. Para ir de uma nascente para a outra há um caminho de madeira que ajuda a não danificar o ambiente.

fervedouro alecrim jalapão
Fervedouro Alecrim – foi o primeiro que visitamos, dá pra ver a cara de felicidade, né?

No Fervedouro Alecrim não há nenhum tipo de infraestrutura turística. O ingresso custa R$10,00 e são permitidas apenas 6 pessoas por vez aqui.


Ainda não tão conhecidos:

Enquanto alguns fervedouros já são bem conhecidos, outros ainda não são tão explorados, o que garante uma certa tranquilidade e exclusividade a quem os visita. Nosso guia nos levou em uns bem legais e vamos mostrá-los a você agora.

6. Fervedouro Veredas

Dentre os menos conhecidos, o Veredas é um dos fervedouros do Jalapão que mais recentemente abriu para turistas (apenas em 2020)! Por ser tão novo, ele tem a vantagem de ser bem vazio. Ele na verdade é formado por duas nascentes, possui formato circular e águas bem azuis. No entorno há uma plataforma de madeira para o turista caminhar sem danificar a mata no entorno.

A estrutura para turistas é ótima e conta com mirante e restaurante. Aliás, o pôr-do-sol por lá é incrível! O ingresso custa R$25,00 e há possibilidade de mergulhos noturnos.

fervedouro veredas
Fervedouro Veredas

O dono da propriedade nos contou que planeja construir uma pousada ali perto, então em breve teremos mais uma estrutura bem legal de hospedagem no jalapão!


7. Fervedouro das Macaúbas

Também aberto recentemente à visitação, o Macaúbas é um fervedouro bem legal de conhecer e ainda pouco explorado na região.

A cor da água é verde, mas num tom diferente dos demais e a flutuação aqui é ótima. Ele possui boas dimensões e capacidade para 10 pessoas, mas se não houver ninguém é permitido ficar mais tempo.

equipamento fotografico viagem praia
O Dome faz um efeito incrível junto com a GoPro, nas fotos aquáticas!

O ingresso para o Fervedouro Macaúbas custa R$15,00 por pessoa.


8. Fervedouro Licuri

Por sua vez, o Fervedouro Licuri é bem pequeno e lembra até uma hidromassagem, mas é um dos mais aconchegantes. A vegetação abraça a nascente criando um cenário lindo que vale a pena conhecer.

Esse foi um dos fervedouros que conseguimos ficar mais tempo, por não ter ninguém depois da gente! Aproveitamos muito cada minuto!

Fervedouro Licuri
O charmoso fervedouro Licuri

9. Fervedouro Rio Sono

Definitivamente, o Fervedouro do Rio Sono é para aqueles que tem coragem de encarar a água fria, já que ele possui temperatura bem mais baixa que os demais. Porém, em um dia de calor não há nada melhor do que se refrescar em águas geladinhas, né? O formato da nascente também é curioso por ser quadrado e suas águas possuem tom esverdeado.

O ingresso custa R$15,00 e para chegar até o fervedouro é preciso pegar uma trilha bem fácil. Na propriedade há um restaurante com comida caseira e redário para tirar um cochilo depois do almoço.

fervedouro Rio Sono Jalapão
Fervedouro Rio Sono

10. Fervedouro Por Enquanto

Outro fervedouro lindo é o Por Enquanto, ele fica em uma propriedade com infraestrutura bem completa. Além da pousada, há ainda um camping e restaurante para maior comodidade dos visitantes. Ele é bem grande e possui águas de tom azul turquesa.

Fervedouros do Jalapão: 12 fervedouros imperdíveis para o seu roteiro
Fervedouro Por Enquanto | Foto: @brenomadeira

11. Fervedouro Encontro das Águas

Embora ele não seja o mais bonito do Jalapão, o Fervedouro Encontro das Águas é o mais forte de todos e surpreende pela pressão das águas de sua nascente única.

Afundar aqui é praticamente uma missão impossível e mesmo que outra pessoa faça força para você afundar isso não ocorre! Toda essa pressão faz com que a areia do fervedouro fique entrando em tudo que é canto das roupas, então é comum sair com algumas bolas de areia na sunga e no biquini.

Mas para resolver esse problema, depois de sair do fervedouro, dê um mergulho no Rio Formiga ou no Rio Sono para tirar toda a areia que se acumula.

Por ser pequenininho, a capacidade do Encontro das Águas é de apenas 4 pessoas por vez e seu ingresso custa R$15,00.


12. Fervedouro Borboleta

O Fervedouro Borboleta fica próximo dos demais, e pode ser uma boa alternativa para quem quer evitar filas, por ser menos conhecido!!

A origem do nome não é difícil de imaginar, né? Há várias borboletas que ficam passeando por lá. Vale a pena conhecer!


Fervedouros do Jalapão: dá pra ir por conta própria?

É possível sim explorar o Jalapão por conta própria. Contudo, é preciso que você tenha um veículo 4 x 4 e muita experiência com estradas de terra, buracos e areia fofa. Durante nossa viagem até encontramos viajantes explorando em carro próprio e confesso que fiquei com vontade de passar por essa experiência.

No entanto, se esse não for seu caso, daí a melhor opção é contratar uma agência local. Os guias do Jalapão conhecem cada cantinho da região e deixarão você curtir a viagem sem se preocupar com nada – inclusive, o valor das entradas dos fervedouros são pagos pelo guia, já fazem parte do pacote que você escolher!

Somado a isso, outro perigo de percorrer a região sozinho é a ausência de sinal de celular. Com isso aumentam os riscos de se perder em uma região totalmente desconhecida.


Entre em contato com o Canindé Ecotour pelo Whatsapp, fale que você viu a dica aqui no Mala de Aventuras e você ganha a Trilha para ver o Nascer do Sol na Serra do Espírito Santo, que tem um valor à parte no pacote Jalapão! Bom né?!

É só clicar no botão abaixo para falar com eles!

Roteiro Jalapão e Serras Gerais: 8 dias de muitas cachoeiras, fervedouros e paisagens de tirar o fôlego


Fervedouros do Jalapão: dicas para tirar fotos incríveis

Diversos leitores e seguidores ficaram impressionados com as fotos que conseguimos tirar durante nossa viagem. Aliás, você já segue a gente no Instagram? Por lá a gente publicar nossas viagens em tempo real! Aproveite e siga agora mesmo o @maladeaventuras!

As fotos “meio a meio” fizeram sucesso e só foram possíveis graças a ajuda do DOME, um acessório da GoPro que é perfeito para tirar fotos na linha d’água.

Usamos a GoPro Hero 9 com o Meu Dome, e o resultado de uma das fotos você confere aqui! Como a água dos fervedouros é bem calminha, conseguimos tirar fotos super legais. É um ótimo lugar para você se aventurar na fotografia aquática!

Ah! Temos um cupom especial para os nosso seguidores. É só usar MALADEAVENTURAS ao finalizar a sua compra no site do Meu Dome!

foto fervedouros dome
As fotos aquáticas usando a GoPro + Dome ficam incríveis nos fervedouros!

Fervedouros do Jalapão: dicas de roupas e itens para levar na mochila

Por fim, depois de conhecer melhor os fervedouros do Jalapão, vou te dar dicas valiosas de roupas e outros itens que não podem ficar de fora da sua mochila. Antes de arrumar sua mala, certifique-se de que você tem todos os itens a seguir:

Toalha de microfibra de secagem rápida | Foi super útil para nos secar depois de um mergulho nos fervedouros! Como a gente anda muito de carro para fazer os passeios, as toalhinhas são essenciais! Nós temos esse modelo aqui da Decatlhon, que tem ótimo preço!

Óculos de natação para quem não consegue nadar de olhos abertos | É incrível ver o tom de azul da água e os peixinhos que ficam nadando nos fervedouros. Vale a pena levar o seu!

Repelente para usar depois que sair do fervedouro | Não é permitido passar protetor solar ou repelente antes de entrar nos fervedouros, para não sujar as nascentes! Se atente à isso!

Casaco corta-vento | Apesar do calor que faz durante o dia nessa região do país, fomos em Julho e eu senti um friozinho de manhã cedinho e à noite. O meu casaco corta-vento da Columbia me salvou nesses momentos. Veja aqui um modelo super resistente e compacto para você ter sempre com você.

Tênis para trilha | Se você for fazer alguma trilha para ver o nascer do sol, é importantíssimo levar um tênis próprio para isso! Clique aqui para conferir boas opções de tênis para trilha.

Boné ou chapéu | Durante o dia o sol é intenso, então, não esquece um chapéu de palha (fica ótimo nas fotos!) ou boné para se proteger do sol. Aproveite para conferir o boné com proteção UV da Columbia!

Nossos leitores tem cupom de desconto especial no site da Columbia! É só usar MALADEAVENTURAS10 ao finalizar a compra para garantir 10% de desconto. Aproveite!


Gostou de conhecer mais sobre os fervedouros do Jalapão? Agora vai ficar muito mais fácil de montar seu roteiro, mas qualquer dúvida é só postar seu comentário aqui embaixo que iremos te ajudar! 


Você também pode gostar de ler:

Quem escreve | @nandahudson
Criadora de conteúdo e viajante profissional, a co-fundadora e editora do Mala de Aventuras está sempre em busca de paisagens de tirar o fôlego e experiências transformadoras pelo Brasil e pelo Mundo.
  • Sobre
    Sobre o Mala de Aventuras
    Olá, somos a Gaia e a Nanda!
    Aqui nós compartilhamos as melhores
    dicas e roteiros de viagem para que você possa viajar mais e melhor
  • Organize a sua viagem!
    Descubra quais ferramentas nós e
    outros viajantes profissionais usamos
    para economizar nas viagens!
  • Aluguel de Carro!
    locação de carro
  • Nossos presets!
  • Newsletter

    Junte-se a mais de
    100.000 leitores e receba
    gratuitamente dicas de
    viagem exclusivas

  • Destaque
  • Posts em destaque
  • E-Book fotografia
  • Assista no Youtube!
  • Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *