Jardim Botanico

O que fazer no Jardim Botânico | Rio de Janeiro

O Jardim Botânico é um dos bairros mais lindos do Rio de Janeiro. Ele fica bem ao pé do Cristo Redentor e ainda tem o belíssimo Parque Lage, que é repleto de atividades culturais. Além disso, o bairro tem o próprio Jardim Botânico do Rio, que é considerado um dos mais ricos e importantes do mundo e ainda abriga o Museu do Meio Ambiente e o Espaço Tom Jobim, onde acontece vários shows. Essa é uma região deliciosa para se aproveitar o dia ao ar livre, fazer um picnic e curtir um passeio em meio de muito verde. Nesse post, você encontrará todas as dicas para explorar o Jardim Botânico como um verdadeiro local.

Embora o principal ponto turístico da região seja o lindo Jardim Botânico (clique aqui para visitar o site), é possível explorar o bairro para além do seu cartão postal. O destaque vai principalmente para os ótimos cafés e restaurantes que, além de deliciosos, são super alto astral. Para você conhecer ainda mais esse cantinho da cidade, preparamos um guia do Jardim Botânico, com as melhores dicas do que fazer e onde comer no bairro!

Veja mais: Guia completo das melhores praias do Rio de Janeiro

Como chegar no Jardim Botânico

Apesar de nem sempre o transporte público chegar às ruas menores, é possível chegar sem dificuldade às ruas principais. O metrô pode ajudar bastante: basta descer na estação Botafogo, pegar o ônibus Metrô na Superfície sentido Gávea e descer na estação Jardim Botânico. 

Há também algumas linhas de ônibus que passam por lá, e você pode checar qual te serve melhor pelo Moovit. Como o estacionamento na rua muitas vezes é limitado, carro nem sempre é uma boa opção. 

Veja mais: O que fazer em Santa Teresa | Rio de Janeiro

O que conhecer no Jardim Botânico

#1 Jardim Botânico

Como não começar um guia do Jardim Botânico justamente pelo mais clássico? Essa parada é quase obrigatória pra quem vem ao Rio ou mora na cidade.

O bacana de lá é que é um passeio super versátil! É legal para ir a dois, em família ou mesmo para uma caminhada, curtir a natureza e tirar fotos lindas. Não deixe de passar pelos destaques do jardim, como o Lago da Vitória-Régia, as famosíssimas Palmeiras Imperiais e o orquidário, nosso preferido.

Palmeiras do Jardim Botânico do Rio de Janeiro
Jardim Botânico do Rio de Janeiro

O horário de visitação é de terça a domingo, de 8h às 18h; segundas, de 12h às 18h. O ingresso custa R$15, e o endereço é Rua Jardim Botânico, 1008.

Veja mais: Mala de Aventuras Explora: Jardim Botânico

#2 Parque Lage

Outra opção no meio da natureza é o Parque Lage. No jardim, um programa bem carioca é montar um piquenique. Além da área externa, o Parque Lage tem um casarão histórico deslumbrante, onde funciona a Escola de Artes Visuais.

Por ser um centro artístico, frequentemente há instalações e espetáculos por lá. É possível entrar no prédio, que tem a famosa paisagem com a piscina e o Cristo lá no topo.

Vista da piscina do Parque Lage com o Cristo Redentor ao fundo
Parque Lage

O Plage Café, que fica dentro do prédio, também é uma delícia! Vale ir até lá para o café da manhã ou um almoço. Ele fica na Rua Jardim Botânico, 414.

O parque funciona diariamente, de 8h às 17h. Já o restaurante fica aberto de segunda a sexta, de 9h às 18h; sábados e domingos, de 9h às 17h.

#3 Cachoeira do Horto

Não exatamente no próprio Jardim Botânico, mas uma opção super próxima é a Cachoeira do Horto. O acesso é feito pelo bairro, pela Rua Pacheco Leão, então vale a pena fazer o passeio cedinho e depois descer para um lanche em algum dos bons restaurantes da área.

Queda d'água da cachoeira do horto
Cacheira do Horto

Apesar de ser possível chegar ao começo da trilha de carro, vale lembrar que o percurso até a cachoeira não é dos mais fáceis, então vá com um tênis adequado e prepare a força nas pernas! Leve água e não esqueça a canga ou toalha para ficar deitado nas pedras. Ah! e procure ir em grupo por questões de segurança.

Veja mais: Mala de Aventuras Explora: Cachoeira do Horto


Onde comer no Jardim Botânico

#1 La Bicyclette

Um dos locais mais conhecidos por lá é o La Bicyclette, que é um bistrô super charmoso. É uma ótima opção para café da manhã ou mesmo um lanche. No cardápio, há sanduíches, saladas, pães artesanais e a opção de café completo.

 

View this post on Instagram

 

A post shared by La Bicyclette (@labicycletterio) on

O endereço é Rua Pacheco Leão, 320/Loja D. O horário de funcionamento é de segunda a sexta, de 8h30 às 21h; sábados, domingos e feriados, de 8h30 às 20h.

#2 Empório Jardim

Ainda na categoria de cafés da manhã memoráveis, uma super dica de onde comer no Jardim Botânico é o Empório Jardim. O ambiente é super agradável.

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Empório Jardim (@emporiojardimrio) on

Não deixe de provar um dos doces e do famoso pão de queijo de gruyère! Há também bons pratos para almoços, além de pães artesanais. Com outras lojas no IMS e em Ipanema, a unidade do Jardim Botânico fica na Rua Visconde da Graça, 51 e funciona de segunda a sexta, de 8h às 22h.

#3 Bastarda

Famoso entre os ciclistas que se aventuram na subida do Horto, o Bastarda também é conhecido pelo cardápio de café da manhã e lanches, com destaque para as panquecas e para o ovo com a gema molinha. Durante a semana, ainda há opção de almoço executivo, com pratos entre R$25 e R$30.

 

View this post on Instagram

 

A post shared by B A S T A R D A (@bastarda.cafe) on

O Bastarda também possui uma loja com vários itens para os amantes do pedal. Ele fica na Rua Von Martius, 325 e funciona de terça a sábado, de 8h às 19h; domingo de 8h às 14h, e segunda, de 8h às 15h.

#4 Prana

Se você procura um lugar para almoçar ou jantar, a dica é o Prana, queridinho dos vegetarianos. O cardápio para cada refeição é diferente, mas as opções e preços estão no site. Se puder, experimente a feijoada de cogumelos e guarde um espacinho para aproveitar uma das sobremesas deliciosas de lá.

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Prana Vegetariano ૐ☼☮ (@pranavegetariano) on

O endereço do Prana é Rua Lopes Quintas, 37 e funciona de segunda a sábado, de 12h às 16h e de 19h às 23h.

#5 Ella Pizzaria

E que tal uma pizza? Inaugurada há pouco menos de dois anos, uma boa pedida é a Ella Pizzaria. A massa é daquelas aeradas e de fermentação natural. Nosso destaque vai para a “embutido”, que leva pesto de pancs, linguiça artesanal, fior di latte, mini tomates e picles de funcho.

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Ella Pizzaria|Lenha|Napolitana (@ellapizzaria) on

Você também consegue ver todas as pizzas e drinks servidos aqui. Fica na Rua Pacheco Leão, 102. De segunda a sexta, de 12h às 17h e de 18h à 1h.

#6 Maguje

E não poderíamos deixar de sugerir um bar no nosso guia do Jardim Botânico. A novidade, coladinha no parque, é o descontraído Maguje. Se apresentando como um bar-cervejaria, a principal opção da casa é a Therezópolis. No entanto, serve também drinks, petiscos e refeições. Sem dúvida vale experimentar um drink enquanto aproveita o varandão com uma vista daquelas!

 

View this post on Instagram

 

A post shared by MAGUJE (@maguje.rio) on

O Maguje fica na Rua Jardim Botânico, 1003. Aberto às terças e quartas, de 19h à 1h. De quinta a sábado, de 12h às 2h. Domingo, de 12h às 23h.

Onde se hospedar no Jardim Botânico

Se você quiser ficar hospedado bem pertinho desses lugares que indicamos então nossa sugestão é o Gávea BNB. Essa acomodação fica a 1km do Jardim Botânico do Rio, tem um clima super aconchegante, em uma casa bem arborizada, com espreguiçadeiras na varanda. É um local ideal para relaxar.

O café da manhã está incluído e todos os quartos tem ar condicionado.

As diárias para casal custam a partir de R$300


Nossa outra sugestão é a Pouso Verde Bed and Breakfast, uma casa no estilo colonial que fica coladinha no Jardim Botânico. A decoração é simples mas bem charmosa, As áreas comuns são super agradáveis, tem café da manhã e em todos os quartos tem TV e frigobar.

Por conta da localização, o custo-benefício é ótimo!

As diárias para casal custam a partir de R$300


Agora que você já sabe várias dicas legais sobre essa área é só esperar o próximo dia de sol e partir para um passeio.

*Foto de capa: Aleia Barbosa Rodrigues: Wikimedia Commons


Você pode gostar de ver também: 

O que fazer no Cosme Velho | Rio de Janeiro

Como planejar um passeio ao Cristo Redentor no Rio de Janeiro

10 restaurantes para experimentar em Ipanema

Cadastre seu e-mail e receba novidades!

faça parte da nossa lista, é de graça!

I will never give away, trade or sell your email address. You can unsubscribe at any time.