Mendoza, Argentina: GUIA da cidade + sugestão de ROTEIRO para 3, 5 e 7 dias de viagem

Se você acha que viajar para a Argentina se limita a Buenos Aires e Bariloche, Mendoza está aí para provar que há muito mais para se conhecer no país! A capital argentina dos vinhos tem vários atrativos: é fácil de chegar, tem atividades que incluem esportes, visitas a vinícolas e, claro, muitos restaurantes ótimos com o melhor da gastronomia argentina!

Aqui você encontra um guia super completo da cidade com o que há de mais imperdível por lá pra você começar a planejar sua viagem agora mesmo!

Nesse post vou contar todos os detalhes sobre Mendoza na Argentina: onde fica, como chegar, onde se hospedar, recomendações de restaurantes e ainda três sugestões de roteiros para quem pode ficar 3, 5 ou até 7 dias viajando. Vamos lá?


Mendoza: a capital argentina dos vinhos

Se você vai a Mendoza, uma coisa eu posso te garantir: por lá você vai encontrar alguns dos melhores vinhos! Conhecida como a capital argentina dos vinhos, a cidade é responsável por quase 2/3 da produção de todo o país. São mais de 1000 vinícolas espalhadas pela província, sendo 120 delas abertas à visitação.

o que fazer mendoza argentina
Contraste das montanhas nevadas de Mendoza com os vinhedos!

Pelo fato de o mercado de vinhos ser tão importante para a região, o turismo de Mendoza em grande parte gira em torno disso. Além das visitas aos vinhedos, você pode aproveitar restaurantes incríveis nas vinícolas e ter experiências gastronômicas com os ótimos produtos locais no centro também. Outra opção super legal que os turistas buscam na cidade é se hospedar em uma das vinícolas. Uma ideia bem diferente para o seu roteiro, né?


Onde fica Mendoza, Argentina

A cidade de Mendoza é a capital da província que recebe o mesmo nome. Ela fica a oeste da Argentina, na fronteira com o Chile e coladinha na Cordilheira dos Andes.

A Ruta 7, uma das mais conhecidas da América do Sul, já que liga Buenos Aires a Santiago, passa por Mendoza e é uma ótima forma de chegar até lá para quem curte passar algumas horas vendo as paisagens das estradas.

onde fica mendoza argentina
Mendoza no mapa, para você entender melhor a localização!

Como chegar em Mendoza, Argentina

Mendoza é um destino bem fácil de se incluir no seu roteiro, não apenas porque você consegue visitar boa parte dos lugares legais em poucos dias, mas também pela facilidade de chegar até lá. Como há aeroporto e boas estradas, você pode viajar para Mendoza para uma viagem de feriado ou férias rápidas ou mesmo incluir como destino de passagem em uma roadtrip. 


Aqui vão algumas opções de como chegar em Mendoza:


Como chegar em Mendoza (Argentina): de avião

Em geral, boa parte dos turistas brasileiros chegam à Argentina por Buenos Aires por conta da facilidade do aeroporto. No entanto, é possível ir direto para Mendoza, caso você opte por começar a sua viagem por lá ou mesmo queira ir apenas para a capital dos vinhos passar uns dias.

O aeroporto que atende a cidade é o Aeroporto Internacional Mendoza El Pumerillo (MDZ), que possui um fluxo bem intenso de voos diariamente. Há voos diretos saindo de São Paulo (Guarulhos) operados pela Aerolíneas Argentinas e pela LATAM. Caso você saia de outros estados no Brasil, pode fazer escala também em Buenos Aires ou em Santiago.

Como chegar em Mendoza (Argentina): de carro

Você também pode ir a Mendoza de carro. Há quem opte por sair do Brasil mesmo e fazer uma roadtrip super longa. Por lá, aliás, não é difícil ver carros com placas dos estados do sul do país. Nesse caso, lembre-se de verificar junto ao órgão de trânsito os documentos necessários para que seu carro esteja regularizado (seguro carta verde, CNH dentro da validade e registro do veículo).

carro em mendoza argentina
Pôr do sol lindo que vimos durante a viagem de carro de Mendoza a Las Leñas

Para os entusiastas de viagens de carro como nós, outra possibilidade é ir de avião até Santiago e de lá alugar um carro. Como a fronteira entre Argentina e Chile é conhecida pelas incríveis montanhas da Cordilheira dos Andes, já imaginou como pode ser uma experiência bem legal fazer esse trajeto? São cerca de 360km pela Ruta 7.

Também pela Ruta 7, você pode ir de Buenos Aires até Mendoza alugando um carro. Nesse caso, a distância entre as duas cidades argentinas é um pouco maior: são aproximadamente 1000km de estrada.

Você pode alugar um carro com o serviço RentCars, que ajuda a encontrar o melhor preço para a sua viagem

Como ir de Buenos Aires a Mendoza (Argentina) de ônibus

Muita gente também opta por viajar para Mendoza de ônibus saindo de Buenos Aires (partida do Terminal de Omnibus Retiro). Como a distância de 1000km não é exatamente curta, a viagem entre as duas cidades pode ser um pouquinho longa, durando mais ou menos 13h. Uma facilidade para quem prefere um pouco mais de conforto é que há opções de ônibus leito (Cama Suite, na nomenclatura argentina).

Há algumas companhias que operam nesse trajeto, sendo a Cata e a Andesmar as principais. São várias opções de horários de saída, o que é legal porque você consegue ajustar ao seu roteiro sem dificuldade. Os preços variam de 500 a 2500 pesos.


Como se locomover em Mendoza, Argentina

Embora o centro de Mendoza tenha atrações bem legais, boa parte dos turistas não deixa de fora do roteiro um pulinho em uma das vinícolas, que ficam em locais mais afastados, como Valle de Uco ou Luján de Cuyo. Por isso, é importante se planejar antes para saber como você vai se locomover em Mendoza e aproveitar as atrações mais imperdíveis.

Em geral, os turistas costumam optar entre aluguel de carro ou tours com guia. Além das diferenças de valores, o melhor é você pensar qual é o tipo de passeios que você pretende fazer, com quantas pessoas vai e o quanto de autonomia gostaria de ter na sua programação.

De carro

Para quem prefere ter bastante autonomia durante os passeios ou mesmo planeja uma roadtrip por várias cidades na Argentina (e por que não no Chile também?) que inclui Mendoza, alugar um carro pode ser uma ótima ideia. Além de ter mais folga para os passeios, ainda pode aproveitar o super visual das estradas, né?

carro mendoza argentina
Alugamos um carro no aeroporto de Mendoza e foi ótimo ter autonomia para fazer os nossos passeios!

Como algumas vinícolas ficam mais distantes do centro (como as que estão em Luján de Cuyo, a cerca de 20km de Mendoza), ter um carro à disposição ajuda a montar a programação no seu ritmo, fazer paradas no trajeto e ir e voltar ao centro a hora que achar melhor. Isso também pode valer pra caso você opte por se hospedar em uma das vinícolas.

Se você pretende alugar um carro em Mendoza, sugiro fazer uma busca pelo site do RentCars. Nele você compara os preços entre as locadoras que operam por lá e ainda consegue encontrar o melhor preço.

Contratando tours guiados

Mas se você for do tipo de viajante que gosta de bastante praticidade, contratar um tour com guia pode ser uma ótima forma de conhecer Mendoza. Além de explorar a cidade sabendo tudo sobre ela, a experiência guiada também tem o ponto positivo do conforto, já que você não precisa se preocupar com os detalhes dos passeios. É só aproveitar o dia!

vinícola mendoza argentina
Durante a visita à vinícola Família Zuccardi, em Mendoza!

Há uma variedade super legal de passeios por Mendoza, desde tours pela cidade e um dia inteiro em uma das vinícolas a excursões para os Andes e programações esportivas. Você encontra todas as opções no site do GetYourGuide.


Quando ir a Mendoza, Argentina

Um dos pontos positivos de viajar para Mendoza é que durante o ano inteiro você consegue aproveitar a cidade. De modo geral, o clima é bastante seco e as estações são bem definidas. Por isso, você pode decidir quando ir levando em conta a programação que pretende fazer.

Por exemplo, para quem quer ver neve e aproveitar as estações de esqui, os meses de inverno (de junho a agosto) são os melhores. Por outro lado, se você quer se jogar nos vinhedos e até colher uvas, os meses mais indicados são de fevereiro a maio. Mesmo no verão, quando as temperaturas ficam mais elevadas, a cidade é bem agradável, com temperaturas ficando na média de 25ºC.

Fomos em Julho e pegamos neve na estação Los Penitentes, a mais próxima de Mendoza

De qualquer forma, se planeje para ficar ao menos três dias em Mendoza para poder curtir os passeios mais legais. Mesmo que você vá em uma época com os vinhedos secos, por exemplo, passar o dia em uma das vinícolas é uma parada quase obrigatória.


Onde se hospedar em Mendoza, Argentina

Na hora de decidir onde ficar em Mendoza, há duas opções: os hotéis no centro da cidade ou os resorts localizados nas vinícolas. Ficando no centro você tem a vantagem de poder se locomover com mais facilidade para outros pontos turísticos, além de as tarifas serem bem mais convidativas e de haver mais opções.

hospedagem mendoza argetina
Área externa do nosso hotel no Vale de Uco, em Mendoza

Por outro lado, ficar em uma das bodegas tem um charme único. Além da paisagem dos vinhedos e das montanhas dos Andes, o serviço e as instalações dos resorts costumam ser maravilhosos. Para quem gosta de mais conforto ou pretende fazer uma viagem romântica, pode ser uma ótima ideia!

Melhores hotéis para se hospedar no centro de Mendoza, Argentina

Para quem escolhe se hospedar no centro de Mendoza, uma sugestão é o Hotel Park Hyatt Mendoza Casino. Localizado na Plaza Independencia, a principal da cidade, ele fica em um prédio histórico, mas com instalações bem modernas. Além da agradável área comum, que possui piscina, spa, restaurante e até cassino, o hotel dispõe de quartos super amplos e novinhos. Uma diária para dois custa a partir de R$730.

Ainda no centro, o Diplomatic Hotel é bem elogiado entre os turistas por conta da variedade de restaurantes e lojas nas imediações. Além da vista incrível para a Cordilheira dos Andes que várias acomodações oferecem, o hotel ainda se destaca pela boa estrutura, que conta com piscina, academia e restaurante. Um quarto para um casal custa a partir de R$530 por dia.

Próximo ao centro, mas um pouco mais afastado, a Tanino Guest House tem a localização perfeita para quem quer uma hospedagem mais simples e sossegada sem perder a comodidade da região central. A acomodação, que chama atenção pelo ótimo custo x benefício, é uma espécie de pousada, com clima bem aconchegante de casa. Eles contam com jardim, piscina e uma varanda super gostosa. É uma opção mais intimista a apenas 1km do vai e vem das ruas movimentadas. Uma diária para dois custa R$130

Melhores hotéis para se hospedar nas vinícolas de Mendoza, Argentina

Um dos hotéis que visitei foi a Casa de Uco Wine Resort. Se você tiver tempo e couber no seu orçamento, vale muito a pena tirar pelo menos um dia para se hospedar por lá. Além da paisagem ao redor ser deslumbrante, o serviço do hotel é para ninguém colocar defeito.

hotel mendoza argentina
Nosso quarto no incrível Casa de Uco Wine Resort

Do centro de Mendoza até a Casa de Uco, são mais ou menos 100km em uma estrada lindíssima. O hotel conta com piscina, hidromassagem e um restaurante maravilhoso. Uma diária custa  a partir de R$1800.


Leia também: Casa de Uco Wine Resort: uma excelente hospedagem em meio aos vinhedos de Mendoza


O The Vines Resort & Spa é outra opção bem sofisticada para quem quer ficar em uma vinícola em Mendoza. Ao pé da Cordilheira dos Andes e a 100km do centro da cidade, o hotel oferece um serviço de luxo, com piscina, hidromassagem e um restaurante incrível. As acomodações são pequenos apartamentos com uma decoração aconchegante e de muito bom gosto. Uma diária para duas pessoas sai por pelo menos R$2800.

Outra opção para quem quer mergulhar numa viagem com muito vinho e conforto é o Finca Adalgisa. Com uma área verde incrível ao redor, piscina e uma área comum com várias redes, o hotel tem quartos bonitos e confortáveis. Os hóspedes também podem conhecer o vinhedo e tomar uma tacinha de vinho todas as noites. Um quarto para um casal custa a partir de R$1200 por dia.


O que fazer em Mendoza

Agora que você já sabe como chegar, quando ir e onde se hospedar em Mendoza, que tal saber o tanto de coisa legal que tem pra fazer por lá?

O primeiro passeio que precisa entrar no seu roteiro é, claro, pelas vinícolas. A atração símbolo do turismo local permite acompanhar todas as etapas do processo de produção dos vinhos. Isso sem falar na melhor parte, que é a degustação no final. Além de saber toda a história, você pode ainda desfrutar de um super almoço ou jantar nas vinícolas, com pratos maravilhosos e vinhos locais. As vinícolas mais legais ficam em Luján de Cuyo, Valle de Uco, Maipú e San Rafael.

o que fazer em mendoza argentina
Passeio de bicileta pelos vinhedos do Valle de Uco!

Uma vez em Mendoza, procure dar uma caminhada pelo Centro. As ruas são bem arborizadas e agradáveis para você explorar a pé. Alguns pontos são mais relevantes, como a Plaza Independencia, o Cerro de la Gloria e o Parque General San Martín.

Muita gente não sabe, mas a boa gastronomia local vai além dos vinhos. Um ótimo passeio para os amantes de boa comida é pelas olivícolas. Você pode passar o dia em uma delas e ver de pertinho o processo de colheita das azeitonas, a extração do óleo e o engarrafamento. Destaque para as olivícolas Laur, Maguay e Pasrai.

Na famosa Ruta 7, que liga Santiago a Buenos Aires e passa por Mendoza, você encontra uma das vistas mais lindas da região. Esse é o passeio Alta Montanha. O ponto mais imperdível dele é o Monte Aconcágua, o pico mais alto do hemisfério sul, chegando aos 6962 metros de altitude.


Leia também: O que fazer em Mendoza: 10 passeios imperdíveis para incluir no seu roteiro


Para os aventureiros e fãs de esporte, vale a pena esquiar nas estações próximas a Mendoza. São elas: Las Leñas e Los Penitentes. Como boa parte dos turistas procuram Bariloche para esquiar, as estações de Mendoza são bem mais vazias, o que dá muito mais liberdade para se movimentar pelas pistas.

Além da boa comida e das paisagens naturais, Mendoza também tem atrações culturais bem argentinas. Uma ótima ideia é ir a um dos shows de tango. Há várias tanguerías espalhadas pela cidade. Você pode ver uma lista com as mais indicadas pelo centro de turismo de Mendoza no site oficial da cidade.

Quando a gente diz que Mendoza é para todos os gostos, é pra valer! Outra atração turística de lá é o Cassino Provincial de Mendoza. Ele é o maior da cidade e dispõe de uma variedade enorme de máquinas com vários tipos de jogos e apostas.


O que fazer em Mendoza: opções para 3, 5 e 7 dias de viagem

Se você ainda não sabe como organizar seu roteiro em Mendoza, preparei algumas opções com sugestões do que fazer pela cidade. É claro que isso pode variar de acordo com o seu tempo disponível e com o que você prioriza na sua programação, como esportes ou gastronomia, então aqui vai uma ideia para você dar os primeiros passos no seu planejamento.

O que fazer em Mendoza em 3 dias de viagem

De fato, três dias é o tempo mínimo para aproveitar a cidade. Menos do que isso o tempo fica muito corrido e você não consegue curtir tanto assim. Por isso, caso você tenha três dias pela cidade, dê mais atenção às atrações principais para conhecer o básico mesmo.

Dia 1: Passeio pelo centro de Mendoza + Parque San Martin + Cassino ou Tango
Dia 2: Passeio Alta Montanha (um roteiro clássico que diversas agências oferecem e leva o dia todo)
Dia 3: Degustação de vinhos + almoço em alguma vinícola de sua preferência

O que fazer em Mendoza em 5 dias de viagem

O que fazer em Mendoza em 5 dias? Com cinco dias, você já consegue aproveitar a cidade com bem mais calma e incluir outras coisas além da programação mais básica. A parada em uma das vinícolas e o passeio pelo centro são fundamentais. Mas vale também aproveitar o tempo para se hospedar em uma das vinícolas, por exemplo. Além do parque e da Alta Montanha, você também pode incluir um dia em uma olivícola no roteiro.

passeio mendoza argentina
Em frente à maior montanha da América do Sul, durante o passeio Alta Montanha

O que fazer em Mendoza em 7 dias de viagem

O que fazer em Mendoza em 7 dias? Se você pode passar uma semana em Mendoza, dá pra fazer praticamente tudo o que a cidade tem a oferecer em termos de turismo. Além de visitar as bodegas e aproveitar a excelente gastronomia local, você ainda pode aproveitar para conhecer as montanhas, o centro e quem sabe até esquiar. Sem falar, claro, na programação noturna da cidade, que inclui tango e umas apostas no cassino. Se puder, se hospede uma ou duas noites em uma das vinícolas.

Uma boa opção, caso você queira diversificar o seu passeio, é dirigir por 4h até Las Leñas. Dessa forma, você ficaria 4 noites em Mendoza, para fazer os principais passeios da cidade e as noites restantes em Las Lenãs para esquiar e aproveitar o clima da neve nessa estação super badalada durante o inverno!

las lenãs mendoza argentina
Aprendendo a esquiar em Las Leñas

Passeios guiados em Mendoza

Já usamos algumas vezes o site GetYourGuide para reservar com antecedência passeios guiados – facilita muito na hora de montar o roteiro! Veja abaixo os melhores passeios que encontramos para Mendoza:


Onde comer em Mendoza, Argentina?

Além dos bons vinhos, Mendoza também é conhecida por reunir excelentes restaurantes. Seja nas vinícolas ou no centro, não deixe de incluir pelo menos um almoço ou jantar em um deles. Alguns são super renomados e um pouco mais caros, mas é certo que você vai ter uma experiência gastronômica inesquecível para contar da sua viagem à Argentina.

onde comer mendoza argentina
As famosas empanadas Argentinas!

Um lembrete importante: como os restaurantes são bastante procurados por turistas e locais, ao montar seu roteiro de viagem para Mendoza lembre-se de reservar com antecedência para não correr o risco de não conseguir mesa no dia!

Vinícola Andeluna

Fomos almoçar na Vinícola Andeluna, que fica na região do Valle de Uco, e amamos a experiência! Além da visitação para conhecer todo o processo da produção dos vinhos, escolhemos o almoço com harmonização, que foi simplesmente incrível.

A proposta gastronômica da Andeluna é inspirada na cozinha Argentina, com ingredientes regionais e receitas que nasceram da mistura dos povos que migraram para lá.

onde comer em mendoza
Uma das entradinhas na Vinícola Andeluna, em Mendoza

Os ingredientes são, na sua maioria, orgânicos, colhidos da horta que está localizada a 5km da vinícola, todos cuidadosamente selecionados e de qualidade. Por isso, o menu muda de acordo com a estação.

O custo x benefício do almoço com harmonização de vinhos é incrível, e é imperdível ter essa experiência pelo menos uma vez durante a sua viagem a Mendoza.

Para saber mais, leia o post completo sobre a nossa experiência:


Vinícola Andeluna: uma experiência imperdível no Valle de Uco, em Mendoza


Azafrán Restó

O Azafrán Restó é um dos mais populares em Mendoza, e a tradição não é pra menos. Inicialmente, o local funcionava como uma delicatessen. Como a qualidade dos produtos era tão boa, o negócio acabou expandindo e hoje é um dos restaurantes mais bem recomendados de Mendoza.

Além do ambiente rústico e do cardápio com opções que agradam a todos os gostos, como carnes, risotos e opções bem argentinas, como presunto cru, o restaurante ainda se destaca pela boa qualidade dos vinhos. Você escolhe diretamente na cave, que reúne cerca de 500 rótulos de Mendoza.

É possível também comprar alguns produtos na lojinha, como erva mate, alfajores e compotas de produtores locais.

O ideal é que você reserve antes de ir. As reservas podem ser feitas direto pelo site do Azafrán Restó.

Endereço: Av. Sarmiento, 765, Mendoza.

Funciona de segunda a sábado, de 12h às 15h30 e de 19h às 0h. Domingos de 12h15 às 15h30 e de 19h30 às 0h.

Restaurante Cavas Wine Lodge

Localizado em Luján de Cuyo, a cerca de 20km do centro de Mendoza, o Cavas Wine Lodge é o cenário ideal para um jantar bem requintado, embora eles funcionem para café e almoço também. Os pratos são preparados com produtos sazonais e elaborados por um chef local. As especialidades são bem argentinas, com carnes e vinhos nos destaques do cardápio.

As reservas podem ser feitas diretamente neste link.

Endereço: Costaflores, s/n, Cobos, Luján de Cuyo, Mendoza.

Funciona diariamente para café da manhã, almoço e jantar. O almoço é servido a partir das 11h30 enquanto o jantar começa às 19h.

comida mendoza argentina
Não deixe de experimentar os famosos Bifes de Chorizo quando estiver na Argentina!

1884 – Francis Mallmann

Casa do chef argentino mais famoso do mundo, o 1884 é uma das experiências gastronômicas mais incríveis em Mendoza. Além de poder acompanhar o preparo das carnes, o sabor dos pratos e dos vinhos é de tirar o fôlego. Vale a pena investir nas entradinhas e no chivo, que é uma especialidade de cabrito assado no forno de barro e que é considerado o prato carro chefe da casa.

Por toda a fama do local, é importante que você reserve com antecedência. Faça a sua reserva no site do 1884 – Francis Mallmann.

Endereço: Belgrano, 1188, Godoy Cruz, Mendoza.

Aberto todos os dias, de 20h às 0h.

María Antonieta Restaurant

Se você busca uma opção um pouquinho mais simples, mas sem deixar de lado o capricho e o bom gosto, o María Antonieta tem tudo a ver com os seus planos! É um bistrô simpático, com mesinhas espalhadas do lado de fora na calçada e uma comidinha simples e deliciosa. Como funciona para café, almoço e jantar, é uma ótima opção para encaixar no seu roteiro a qualquer hora do dia.

Além do ambiente aconchegante, o María Antonieta Restaurant tem um cardápio com opções de massas, carnes e pães incríveis. As sobremesas (como o vulcão de doce de leite) também são sempre um ponto alto entre os visitantes.

Endereço: Av. Belgrano, 1069, Mendoza.

Funciona de segunda a sábado, de 9h às 23h. Domingos de 10h às 17h.

Bodega Ruca Malen

A Bodega Ruca Malen, também localizada em Luján de Cuyo, é uma das vinícolas mais legais para você incluir no seu roteiro em Mendoza. Colado na cordilheira dos Andes e com vista para os vinhedos, o local vale a visita não apenas pelos excelentes vinhos, mas pelo menu maravilhoso que é servido. Um almoço por lá proporciona uma experiência sensorial, com os vinhos harmonizando sempre muito bem com cada prato servido.

Para se ter uma ideia da qualidade, a Bodega Ruca Malen foi eleita o melhor restaurante em vinícola do mundo! O menu degustação é extremamente bem elaborado e inclui carnes, legumes e outros acompanhamentos preparados com extremo requinte. Cada garfada é única!

Para reservas, entre em contato com mendoza@bodegarucamalen.com

Endereço: Ruta Nacional 7km. 1059, Luján de Cuyo, Mendoza.

Abre todos os dias, de 9h às 18h.

Siete Cocinas de Argentina

Outro grande nome entre os turistas que vão a Mendoza, o Siete Cocinas de Argentina tem uma proposta super diferente. A ideia é servir pratos típicos de cada região do país. Já pensou que demais poder experimentar vários pedacinhos da Argentina em um só lugar? O cardápio inclui peixes, massas e carnes. Isso sem falar, claro, nos vinhos de ótima qualidade.

Para fazer reservas, entre em contato com o Siete Cocinas de Argentina pelo telefone 0261 423-8823 ou pelo email restaurante@sietecocinas.com.ar.

Endereço: Av. Bartolomé Mitre, 794, Mendoza.

Funciona de segunda a sábado, de 12h às 16h e de 20h às 0h.


Já fechou o seu Seguro Viagem Internacional para a Argentina? 

Para qualquer viagem internacional, por mais próximo que o destino seja, é sempre super recomendado que você contrate um seguro de viagem. Isso porque ter uma boa cobertura acaba sendo um investimento que garante uma experiência bem mais tranquila em território estrangeiro, já que protege em caso de acidentes e doenças, mas também em situações específicas, como extravio de bagagem.

De fato, como os serviços de saúde variam muito de país para país, há situações em que é preciso desembolsar valores exorbitantes para uma consulta com um médico ou internação. Assim, incluir um seguro de viagem nos seus planos é uma forma de viajar com bem mais tranquilidade.


Não deixe de ler o post que fizemos apenas sobre Seguro Viagem na Argentina. Tem informações valiosas para você que está com viagem marcada para esse país super especial!


Se você pretende ir à Argentina e ainda não tem um seguro de viagem, uma ótima opção para fazer uma cotação e fechar com o melhor serviço é através do site Seguros Promo. Nele você consegue procurar os preços mais em conta e a cobertura que melhor atende às suas necessidades. E uma dica melhor ainda: inserindo o código MALADEAVENTURAS você ganha 5% de desconto!


Chip Internacional para usar na Argentina

Outra dica super importante que pode fazer toda a diferença na sua viagem e tornar a sua aventura muito mais prática é chegar à Argentina já com um chip de internet no celular. Além de facilitar a comunicação, você consegue ter acesso aos mapas para se guiar pelas cidades e estradas. Isso sem falar que você não precisa mais ficar dependente de wifi dos lugares para acessar as redes sociais!

internet mendoza argentina
Não esqueça de levar o seu chip com internet para Mendoza!

Se você está buscando uma boa cobertura, nossa recomendação é o chip da Yes Brasil. Com um único chip você já chega ao seu destino conectado. Para comprar, a gente indica o site Viaje Conectado. Com o código MALADEAVENTURAS você ainda garante 10% off!


Mais dicas para te ajudar na viagem para Mendoza, Argentina:

Conheça o Hotel Esplendor, ótima opção de hospedagem em Mendoza

Casa de Uco Wine Resort: uma excelente opção de hospedagem em meio aos vinhedos de Mendoza

Roteiro Argentina: o melhor GUIA para montar seu roteiro


 

Cadastre seu e-mail e receba novidades!

faça parte da nossa lista, é de graça!

I will never give away, trade or sell your email address. You can unsubscribe at any time.