O que fazer em Salvador: dicas para quem tem 1 ou 2 dias na cidade

A Bahia é um pedaço de terra abençoada dentro do nosso Brasil. Praias lindas, ótimo clima, pessoas sorridentes e uma cidade histórica rica em beleza, chamada Salvador!

Eu já estive três vezes em Salvador, todas elas de passagem. Já fui duas vezes para Morro de São Paulo e a mais recente, para a Ilha de Boipeba. Peguei o vôo para o aeroporto internacional de Salvador é claro que separei ao menos dois dias para conhecer essa cidade cheia de encantos.

Nesse post vou compartilhar com vocês as minhas dicas de o que fazer em Salvador, para quem, assim como eu, está de passagem e tem apenas um ou dois dias na cidade!


Salvador

A capital do axé é cheia de cores, sabores, praias e batuques em todo canto. Para conhecer Salvador em tão pouco tempo, é preciso disposição – dá para conhecer o principal da cidade à pé, e essa é, sem dúvidas, a melhor forma!

Tem programas pra todos os gostos, desde praias à museus. Mas, com certeza, ao menos uma vez na vida você tem que conhecer o Centro Histórico, considerado Patrimônio Nacional e Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

Prepare um calçado confortável, protetor solar, boné ou chapéu e bora explorar Salvador em um ou dois dias!


O que fazer em Salvador: os principais pontos turísticos do centro histórico

Os principais pontos turísticos de Salvador, que você provavelmente já ouviu falar, ficam no centro histórico. Elevador Lacerda, Pelourinho, Mercado Modelo e claro, diversos outros prédios históricos e charmosos se encontram por lá. Esse roteiro é um clássico para fazer em Salvador. Sugiro observar cada parede, cada portinha e cada esquina para descobrir a cidade com os seus próprios olhos.

Elevador Lacerda

Comece o seu roteiro à pé, pelo centro histórico de Salvador, no icônico Salvador Lacerda. Ele foi inaugurado em 1873 para ligar a parte baixa à parte alta da cidade, facilitando a vida de muita gente.

Por apenas R$0,15 você pode subir ou descer o elevador, que foi considerado o primeiro elevador urbano do mundo e virou cartão postal de Salvador.

Do alto do Elevador Lacerda a paisagem é linda, com vista para a Baía de Todos os Santos e o Mercado Modelo. É ali pertinho que estão as próximas paradas do nosso roteiro: o Palácio do Rio Branco e o Pelourinho.

o que fazer salvador elevador lacerda
O icônico elevador Lacerda, em Salvador

Palácio do Rio Branco

Caminhe por 100 metros, saindo do elevador, para chegar no Palácio Rio Branco. Eu não curto muito museus e nem nada do tipo, mas o que mais me surpreender dentro do Palácio Rio Branco, foi a varanda, com uma vista mais bonita ainda do que a do Elevador Lacerda. Com certeza rende muitos cliques pro Instagram!

Se você curte a parte histórica, pode aproveitar para ver um pouco da história dos governadores da Bahia. Antigamente esse palácio era a sede do governo. A entrada é gratuita!

Pelourinho

Acho que esse é um dos lugares mais famosos do Brasil, né? E não tem como não ser. O Pelourinho representa muito da nossa história – a arquitetura é um verdadeiro exemplo de como os portugueses construíam suas colônias e ali surgiu o primeiro mercado de escravos da América.

O que ficou desse passado foram ruas charmosas e estreitas, casinhas coloridas bem conservadas, lojinhas de artesanato e restaurantes pra todo lado. É bem legal caminhar sem rumo pelo Pelourinho, descobrindo cantinhos únicos e garimpando um artesanato ou outro.

pelourinho salvador
Praça da Sé, no Pelourinho

Muita gente fica com medo de visitar a região por conta da violência – eu me sinto um pouco insegura nesses lugares, mas ouvi dizer que o policiamento aumentou bastante e agora os turistas conseguem circular com mais tranquilidade. A minha dica é nunca andar sozinha (o) e evitar deixar eletrônicos (câmera, celular..) e carteira à mostra. Ah! E não aceite as fitinhas que alguns locais tentam amarrar no seu pulso – depois que eles amarram, eles pedem dinheiro.

Não deixe de visitar:

  • Igreja de São Francisco
  • Nossa Senhora do Rosário dos Pretos
  • Praça da Sé

Mercado Modelo

É o famoso “mercadão” que toda cidade grande tem. Ele fica na parte baixa da cidade, praticamente em frente à entrada do Elevador Lacerda e também pertinho do Porto principal da cidade, de onde saem lanchas e catamarãs o dia todo para Morro de São Paulo e outras praias.

Lá dentro você encontra de tudo um pouco: souveniers (ímã, chaveiro, copinhos, porta retrato, fitinhas…), roupas, cangas, bijuterias, berimbau, quadros, enfeites!

Além disso, há também os stands de restaurantes e bares. São dois andares e mais de 260 boxes e o Mercado Modelo foi considerado o maior shopping de artesanato do Brasil!

Eu confesso que dei uma andada por lá e não achei tanta coisa legal, vi mais lembrancinhas da cidade mesmo, mas vale a pena conhecer!


O que fazer em Salvador: tem mais um dia na cidade? Não deixe de incluir:

Salvador vai além do seu centro histórico e dos pontos turísticos famosos. As praias são uma grande atração na cidade, e há também o Farol da Barra, um lugar super bonito que eu adorei conhecer na minha última visita. Já prepara para anotar as dicas!

Farol da Barra

O Farol de Santo Antônio foi apelidado de Farol da Barra por ficar em uma região chamada Barra. Foi o segundo farol construído em todo o continente americano, se tornando o mais importante da época! Imagina o tanto de história que já se passou por lá!

O Farol é apenas uma torre, com uma fortaleza embaixo. Ali, fizeram o Museu Náutico da Bahia, contando um pouco sobre a navegação local. Tem réplicas de grandes embarcações, documentos da época e etc.

o que fazer salvador farol da barra
Farol da Barra, em Salvador

Ali é um ótimo lugar para ver uma bela paisagem e também o pôr do sol. A minha dica é ir na hora do almoço, para almoçar em algum dos restaurantes da região (fomos no Restaurante Pereira e adoramos) e depois, quem sabe pegar uma praia ao lado do Farol? A água é super cristalina e limpa! Só evite ir nos finais de semana, pois fica bem cheio!

E aí é só esperar a hora do pôr do sol e apreciar um belíssimo espetáculo da natureza!

Igreja do Bonfim

Com certeza um ponto turístico super conhecido de Salvador! Afinal, quem não conhece as fitinhas do Bonfim e seus três desejos?

A Igreja do Bonfim é super bonita por dentro, toda no estilo Rococó e Neoclassicismo. A Sala dos Milagres é interessante para visitar: é onde os devotos voltam para agradecer a realização de seus pedidos. É um lugar de reflexão e agradecimento. Você pode conhecer pagando R$5, com acesso à Sala dos Milagres, o Museu e a Torre da Igreja.

Do lado de fora estão milhares de fitinhas amarradas na grade. E se você quiser saber como amarrar a sua e fazer um pedido, é só esperar alguma baiana chegar para te ensinar. Tem todo um ritual!

Praias em Salvador

Conseguiu conhecer os principais pontos turísticos de Salvador e ainda sobrou tempo? Praia é o que não falta na cidade! Anota aí algumas que são ótimas para passar o dia e nadar bastante:

  • Porto da Barra
  • Farol da Barra
  • Praia do Buracao
  • Praia da Boa Viagem
  • Praia do Flamengo
  • Praia de Inema
praia em salvador
A belíssima praia do Farol da Barra

Leia também: Boipeba: GUIA COMPLETO para planejar a sua viagem


Onde se hospedar em Salvador

Escolher uma boa hospedagem é o ponto chave para conseguir dar conta de conhecer tantos lugares legais em Salvador. Na hora de procurar um hotel, não deixe de conferir a localização – é importante ser um hotel bem localizado, próximo do centro histórico, para facilitar a locomoção!

Para passar duas noites em Salvador, escolhemos o incrível Wish Hotel da Bahia, um hotel muito bem localizado, confortável e com um ótimo café da manhã.

Wish Hotel da Bahia – a nossa escolha!

Além de muito conforto no quarto e um atendimento excelente, o Wish guarda muita história!

Tombado como Bem Cultural do Estado da Bahia em 2010, o hotel revela toda a sofisticação do projeto original, datado da década de 50, considerado referência da arquitetura modernista brasileira! É símbolo histórico da hotelaria nacional, com mais de 350 obras de arte distribuídas pelo prédio.

onde ficar em salvador
O belíssimo Wish Hotel da Bahia

O Hotel está estrategicamente localizado no centro da cidade. Pedimos um Uber até o Elevador Lacerda e não levamos mais do que 10 minutos. Ele fica em uma região chamada Campo Grande, uma das melhores e mais seguras da cidade.

A estrutura do Wish é incrível: dois restaurantes, (Passeio da Vitória e e Genaro de Carvalho), adega gourmet com cozinha privativa, spa com 180 m², academia de ginástica, loja de vinhos, sauna, piscina, e um amplo centro de convenções.

Acomodações

Nos hospedamos na suíte superior e tivemos uma experiência incrível. Nosso quarto contava com uma sala espaçosa, armários, apoio para as malas, sofá e TV. Em outro ambiente, estava a cama de casal, super confortável, daquelas que a gente não quer sair por nada!

onde ficar em salvador
Nosso quarto no Wish Hotel da Bahia

No banheiro, amennities da marca Florence Blanc, que por sinal, adorei. O chuveiro também é excelente.

O grande destaque ficou por conta da hidromassagem na nossa varanda. Estávamos no 12 andar, então tínhamos uma vista linda da cidade. Foi ótimo relaxar na hidro depois de caminhar bastante pelo centro histórico de Salvador!

wish hotel da bahia
Hidromassagem na nossa varanda!

Mesa de escritório, cafeteira Nespresso e frigobar também faziam parte da nossa acomodação.

Café da Manhã

Destaque para o café da manhã delicioso do Wish Hotel da Bahia! A primeira refeição do dia é servida no primeiro andar, perto da recepção. Muitas opções de frutas, pães, frios, doces, ovos mexidos, bacon, café, chá… tudo o que você imagina para um café da manhã caprichado, sem contar nas opções de tapiocas doces e salgadas e dos omeletes que podemos pedir na hora aos garçons.

wish hotel da bahia
Café da Manhã do Wish Hotel da Bahia

Concluindo, tivemos uma experiência incrível no Wish Hotel da Bahia e recomendo para quem tem um ou dois dias em Salvador.


Clique aqui para ver mais informações e fazer a sua reserva!


Qual é a melhor época para ir a Salvador

Durante quase todo o ano faz sol em Salvador e as roupas de frio mal saem do armário. No verão, as médias chegam a 27°C e no inverno, a 24°C. Os meses que mais chovem são Abril, Maio e Junho.

A alta temporada vai de dezembro ao final do Carnaval, julho e agosto. São os meses de agito e férias escolares.

Se você quer mais tranquilidade e um ótimo clima, vá entre final de agosto e início de novembro. Garantia de sol e praias mais tranquilas!


Espero que tenha gostado das dicas de o que fazer em Salvador! Se o seu próximo destino é a Praia do Forte, Morro de São Paulo, Boipeba, Península de Maraú ou outras praias incríveis próximas de Salvador, vale a pena demais reservar uma ou duas noites para conhecer o principal da cidade.

E se você está procurando um ótimo Resort All Inclusive para passar as suas férias, que tal o Iberostar Praia do Forte?


Leia também: 

O que fazer em Boipeba: 12 passeios imperdíveis para incluir no seu roteiro

Trancoso: as melhores dicas para você planejar a sua viagem

Itacaré: as melhores dicas pra você planejar a sua viagem


 

Cadastre seu e-mail e receba novidades!

faça parte da nossa lista, é de graça!

I will never give away, trade or sell your email address. You can unsubscribe at any time.