O passeio Volta à Ilha de Boipeba é um dos principais em Morro de São Paulo, não deixe de reservar um dia da sua viagem para fazê-lo!

Achamos melhor não fechar o passeio antes e deixamos para resolver quando chegássemos lá. Para a nossa surpresa, não precisaríamos ir atrás de agências de turismo: encontramos váários vendedores pela rua. Eles eram bem insistentes e sempre tentando nos convencer a fechar o passeio para o dia seguinte.

A previsão não estava muito boa para os outros dias, então, quando estávamos jantando em um restaurante da segunda praia, fomos abordados por um vendedor da Agência Miranda Tur e resolvemos fechar para o dia seguinte.

O esquema deles é bem legal: fomos em uma lancha rápida com capacidade para 16 pessoas e podíamos levar as nossas bebidas, que eram colocadas em um compartimento do barco com gelo. A saída do barco estava marcada para as 10h na Terceira Praia.

Newsletter
cadastre-se gratuitamente

Quer viajar mais e melhor?

Baixe nosso e-book com 30 dicas exclusivas
para você planejar e economizar nas suas viagens!
Bônus

checklist para uma mala impecável

a melhor planilha de planejamento de viagens dessa internet

E o melhor?
Todo esse material é gratuito!

morro de são paulo

O vendedor estava com um tablet e nos mostrou várias fotos das paradas, da galera animada e da lancha. Nos convenceu falando que seria o melhor dia de maré baixa da semana e resolvemos fechar. O valor do passeio saiu por R$140,00 o casal.

No dia seguinte, o guia nos buscou na Pousada Borboleta e fomos em direção à lancha. Era bem novinha, grande e potente. Ele nos disse que quem sentasse na frente teria uma viagem “com emoção”, e claro, lá fomos nós. O resultado: dor nas costas no dia seguinte!

morro de são paulo

Como passamos por mar aberto, a lancha quicava muito e o motorista dirigia muito rápido. Nos arrependemos muito da escolha “com emoção”. hahahha! Fica a dica para vocês! Fora isso, o passeio foi ótimo, e agora vou listar as paradas e explicar um pouco:

Primeira parada: Piscinas de Garapuá

As piscinas naturais de Garapuá ficam próximas a Morro de SP, e foi lá a nossa primeira parada para mergulho. O tempo não estava tão firme, deixando o céu encoberto logo no começo do passeio.  A cor da água estava sem graça e a maré um pouco alta, o que não favoreceu muito para as fotos e para curtir o lugar.

Ficamos por lá cerca de 30 minutos e logo partimos para aproveitar a próxima parada!

Segunda parada: Praia da Coeira + restaurante do Guido

Essa foi a parada mais longa, pois almoçaríamos no famoso Restaurante do Guido, eleito pelo Guia 4 Rodas um dos melhores restaurantes de praia e muito famoso pela sua lagosta na manteiga.

O restaurante fica na Praia da Coeira, na Ilha de Boipeba, que também era uma atração à parte. A praia era bem extensa, com a água clarinha e muitos coqueiros à sua beira. Antes de sentarmos para almoçar, aproveitamos um pouquinho esse lugar incrível, mais a cara da Bahia impossível!

praia da coeira
Depois, claro, pedimos a famosa lagosta na manteiga e uma caipivodka de cacau. Ela já vinha cortada e super temperada, e estava uma delícia! O restaurante é bem simples, e todas as lagostas são feitas no fogão à lenha. Tenho certeza que esse é o toque especial do lugar!

praia da coeiraOs valores dos pratos variavam de R$90 a R$150 e ficamos por lá umas 2h.

Terceira parada: Piscinas Naturais de Moreré

Esse foi, sem dúvida, o meu lugar preferido, já que foi o primeiro contato com as incríveis piscinas naturais da Bahia! Tivemos a sorte do céu abrir por completo bem na hora que a maré estava mais baixa, lindo demais!

moreré
Muitos peixinhos listradinhos apareceram para completar o mergulho, e claro, é indispensável usar snorkel! Essas piscinas naturais ficam em alto mar!

piscinas naturais de moreré

Há um limite de 40 minutos para cada barco permanecer lá. Aproveitamos o máximo possível e ficamos com gostinho de quero mais!

Quarta parada: Rio do Inferno e Canavieira

Todo mundo no barco novamente e a próxima atração seria passar pelo Rio do Inferno. Vimos a junção das águas salgadas e doce e, navegando na doce, pudemos relaxar as costas com a calmaria das águas!

ilha de boipeba
Foram cerca de 20 minutos andando pelo rio, passando por mangues e cantinhos não explorados. Uma paisagem diferente do que estávamos vendo um pouco antes, que ficou ainda mais bonita no entardecer.

Chegamos em uma região chamada Canavieiras, que abriga cerca de 160 habitantes. Paramos em um dos restaurantes flutuantes que são super famosos pelas ostras fresquinhas e ficamos por lá uns 40 minutos. Havia ostras de tudo quanto é jeito: grelhada, empanada, natural…

canavieiras

Eu e Breno não gostamos da iguaria e dispensamos, mas valeu o mergulho na água doce e conhecer aquela pequena região tão bonita!

Quinta parada: abastecer em Cairu

A última parada foi no píer de Cairu, a cidade mais próxima à Morro de São Paulo. Ficamos só uns 15 minutos ali esperando o guia abastecer a lancha para retornarmos à Morro. Deu para ver algumas igrejinhas, e podíamos até entrar na cidade pagando algum valor (que eu não lembro qual era!).

Achamos melhor aguardar no pier mesmo, por ter sido pouco tempo, e logo em seguida retornamos para Morro de SP, passando pela Praia de Gamboa até chegar no píer de Morro de SP.

Aproveitamos que já era quase a hora do sol se pôr e fomos até a Toca do Morcego, mas conto sobre o restaurante num próximo post.

O passeio foi ótimo, e é realmente imperdível! Vi por aí que podem ter outras rotas, então, vale a pena pegar todas as informações com os vendedores de passeios e pesquisar mais de um.

Não tivemos problema com a empresa Miranda Tur, portanto, pode ir sem medo. Eles tem uma sede no centrinho de Morro, que fica ao lado do banco Santander.

Se alguém quiser mais dicas sobre o passeio, é só deixar nos comentários. E se qusier as melhores dicas para organizar a sua viagem para Morro de São Paulo, clique aqui.

Contato do Miranda Tour: (75 99808-4316)

Quem escreve | @nandahudson
Criadora de conteúdo e viajante profissional, a co-fundadora e editora do Mala de Aventuras está sempre em busca de paisagens de tirar o fôlego e experiências transformadoras pelo Brasil e pelo Mundo.
  • Sobre
    Sobre o Mala de Aventuras
    Olá, somos a Gaia e a Nanda!
    Aqui nós compartilhamos as melhores
    dicas e roteiros de viagem para que você possa viajar mais e melhor
  • Organize a sua viagem!
    Descubra quais ferramentas nós e
    outros viajantes profissionais usamos
    para economizar nas viagens!
  • Publicidade
  • Nossos presets!
  • Newsletter

    Junte-se a mais de
    100.000 leitores e receba
    gratuitamente dicas de
    viagem exclusivas

  • Destaque
  • Posts em destaque
  • E-Book fotografia
  • Assista no Youtube!
  • Publicidade

14 Responses

  1. Nanda

    Nessas paradas para almoço tem outras opções alem de frutos do mar? Meu marido nao come…E no restaurante das ostras também tem outras opções?

    1. Oi Naiara!

      Esse passeio custou 130,00 para o casal. No restaurante, gastamos 110,00 pedindo a lagosta e a caipivodka. Não comemos nada no restaurante das ostras pois não gostamos, mas, como fomos logo depois da lagosta, nem estávamos com fome.

      Tem outras opções do restaurante da praia sim, pode ficar tranquila!
      Espero ter ajudado!
      Beijos!

  2. Bom Dia Nanda, Tudo bem ?
    Vir que vc foi no restaurante bela vida > vir em alguns postes que no restaurante tem bastante promoção, essas promoções são validas sempre? ou tem um certo período?
    Em outros restaurantes também se encontra promoções ?

    1. Olá!

      Todos os dias tem promoções diferentes, com certeza você vai encontrar preços bons. Acredito que tenha sempre sim, independente da época.

      Quanto ao tempo, é bom ficar de olho na previsão. Um amigo meu foi pra lá e pegou a semana toda de tempo fechado em agosto, eu fui na semana seguinte e só peguei sol. É bem difíci de dizer, mas se quiser garantir, acredito que é melhor ir entre novembro e março!

      O Toca do Morcego fica próximo à entrada do Morro!

      Espero ter ajudado.
      Beijos!

    1. Oi Ana Carolina! Que bom que gostou das dicas!

      Eu acabei levando o meu snorkel. Mas, quando eles vão vender os passeios, se você der uma choradinha, pode pedir para incluir o valor do snorkel no pacote. Normalmente não tem problema! =)

  3. Sou o Proprietário da Miranda Tur, e fico muito agradecido pela indicação, na próxima vinda a Morro Nada pode me cobrar sua cortesia…

    1. Olá Joseir! Que legal! Parabéns pela empresa!

      Espero voltar em breve a Morro de SP, entro em contato com você sim! Obrigada!

  4. Oi, Nanda! Tudo bem?
    Adorei o blog de vocês, e suas dicas são ótimas, exatamente sobre os detalhes que queremos saber e não encontramos nos sites de turismo.

    Parabéns!
    Bjos

    1. Oi Thalita!!

      Fico feliz que gostou das dicas!!! Também tive dificuldade quando procurei em outros sites, por isso procuro sempre detalhar as viagens!!
      Qualquer dúvida é só falar!

      Boa viagem!

  5. Cuidado com quem compram os passeios! Infelizmente escolhemos a agência MIRANDA TUR (que também dá um ticket com nome de GIRL’AN PASSEIOS) para realizar um tour pela ilha, são vendidos que passam por 5 lugares para dar a volta a ilha, esse passeio foi nos vendido no momento que estávamos jantando no restaurante Sambass, por uma pessoa que se apresenta como NEY ou NEYMAR (porém esse não é o nome dele) ele apresenta fotos e vídeos lindos, por um certo momento me recusei a comprar (acho que estava sentindo o que viria pela frente), porém acabamos nos deixando levar, ele pediu R$ 20,00 como sinal para o passeio e o restante poderíamos pagar no final. Este o PIOR PASSEIO que já pudemos fazer! A saída seria as 9:30h, saímos por volta de 11/11:30h, ele nos disse que sairia esse horário por conta do clima e que depois, nos daria um desconto e um up grade. Ok, fomos ao passeio, no início estava tudo indo bem, uma lancha com música, tinha um compartimento para colocar as bebidas que pudemos levar e compramos gelo para manter geladas na lancha, quando o marinheiro perguntou se poderíamos fazer o passeio do fim para o começo, como não conhecíamos dissemos que sim, a primeira parada ele abasteceu a lancha, descobri depois por outras pessoas que nesta parada poderíamos descer para conhecer Cairu, porém o Ney, nos disse apenas que deveríamos pagar o passeio e voltar a lancha para continuar nosso percurso, pois bem, seguimos para um bar flutuante para comer ostras, neste local já novamente teve algo de errado, Ney saiu pedindo uma quantia diferente para pagamento das ostras, para ter noção ele chegou a pedir R$ 2,00 para algumas pessoas e R$ 50,00 para outras, onde já houveram discussões. Seguimos o passeio para Cueira, onde temos que passar por um local chamado Rio do inferno, neste momento a lancha encalhou e o marinheiro nos acusava de ter acontecido isso por não estarmos sentados, porém, havia apenas 1 pessoa que estava em pé, tivemos que descer todos para empurrar a lancha, mais um discussão inicia no passeio, mesmo assim ainda continuamos e fomos até a praia, isso já estávamos por volta das 16h e ainda tínhamos mais 3 locais para conhecer (2 piscinas naturais e o por do sol) no momento de irmos embora houve uma demora de pagamento por outras pessoas do passeio e uma nova discussão, solicitei então que eu gostaria que me levassem de volta para Morro de SP, pois, não havia pagado um passeio para empurrar lancha, ouvir desaforos do marinheiro e ser enganada nos poucos lugares que nos levaram. Então se quiserem fazer um passeio de lancha com música, essa empresa é a ideal, caso queiram conhecer realmente os pontos turísticos, indico que busquem uma outra opção, agências físicas são opções muito melhores, pois, caso aconteça algo de errado você tem onde e com quem reclamar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *