Jordânia: o melhor GUIA para montar o seu roteiro de viagem

É incrível a sensação de explorar um novo país com todos os sentidos: provar uma comida exótica, mergulhar em uma nova cultura, ouvir um ritmo diferente, aprender umas palavrinhas de uma língua desconhecida… E pode ter certeza que a Jordânia é isso tudo e muito mais!

Essa viagem foi inesquecível e eu sigo impressionada com a bondade de seu povo, a beleza de sua natureza e as belíssimas paisagens que pude ver com meus próprios olhos. As terras jordanianas são um mix perfeito para uma viagem memorável: exóticas, cheias de aventuras, com desertos a perder de vista, uma rica história, uma cultura bem diferente da que estamos acostumados e experiências de luxo.

retrato de um beduíno em wadi rum na jordânia
Os beduínos são um povo super acolhedor e visitá-los em Wadi Rum é uma experiência e tanto!

Neste artigo você vai encontrar todas as informações necessárias para você planejar sua viagem para a Jordânia: qual é a língua e a moeda, o que vestir, quais cidades visitar, quanto custa uma viagem para o país, além de sugestões de roteiros para 3, 5 ou 10 dias de viagem. Pronto para embarcar nessa aventura?


Breve história da Jordânia

Quando os nabateus migraram para a Jordânia, eles desenvolveram um rico reino baseado nas rotas comerciais da região. A famosa Petra foi a capital dos nabateus até que veio o domínio romano. Nesta época, a Jordânia continuou a florescer e o cristianismo se espalhou.

No entanto, no século VII, a Jordânia foi conquistada pelos muçulmanos e se tornou parte do mundo islâmico. Ela manteve seu papel como tradicional papel de rota comercial entre outras áreas, mas passou ainda por influência turca, russa e inglesa.


Dicas gerais para a sua viagem à Jordânia

A Jordânia é um lugar que vem recebendo cada vez mais mais turistas do mundo todo e é crescente o número de brasileiros que se interessam por esse país exótico e incrível. Isso porque a estrutura para se fazer turismo em terras jordanianas é excelente.

Um dos motivos para isso é que o país não é muito extenso, o que facilita muito a locomoção entre as principais atrações. Além do mais, o processo para tirar o visto é super fácil e ficou ainda mais fácil com o Jordan Pass. Assim você pode desbravar um território com uma história super rica, uma paisagem linda e com praticidade para entrar e ir de um ponto a outro.


O que é o Jordan Pass?

O Jordan Pass foi uma ação do governo da Jordânia para incentivar o turismo e, de fato, tem funcionado! Não só porque o número de visitantes aumentou, mas também porque é um sucesso entre os turistas, já que é uma mão na roda para economizar dinheiro e tempo.

Trata-se de um passe que você pode comprar previamente pela internet, no site oficial, e que te isenta da taxa de visto e inclui visita a mais de 40 atrações em todo o país, incluindo a entrada para Petra. Após a compra, basta imprimir comprovante e apresentá-lo no guichê da imigração ao chegar na Jordânia.


Saiba mais: Visto Jordânia: como tirar o visto de turismo para a Jordânia


monasterio petra jordania
Uma das vantagens do Jordan Pass é que ele inclui a entrada à Petra.

É seguro viajar para a Jordânia?

A primeira pergunta que a maioria das pessoas fez quando dissemos que este era o nosso próximo destino foi “é seguro viajar para a Jordânia?”. Isso não surpreende, já que a Jordânia faz fronteira com outros países que estão constantemente na mídia por conta de guerras e conflitos, como é o caso da Síria e do Iraque.

No entanto, a Jordânia é considerada um lugar seguro para viajar e recebe diariamente turistas do mundo inteiro. Eu viajei com meu namorado e me senti tão segura, ou até mais segura, do que a maioria dos lugares que já visitei no mundo. Saímos com a impressão de que os jordanianos se orgulham de receber os visitantes e que o mau comportamento seria muito mal visto.

Seguro Viagem Internacional

Falando em segurança, eu sempre dou essa dica por aqui e não custa falar de novo: NUNCA embarquem para o exterior sem ter um seguro em mãos. Aliás, vou compartilhar uma situação que me aconteceu durante essa viagem: tive uma intoxicação alimentar braba em Wadi Rum, na Jordânia e ainda bem que eu tinha fechado um seguro viagem internacional previamente!

Costumo usar o site Seguros Promo para fazer a cotação e uso tanto que ganhei até um desconto para compartilhar com vocês! É só usar o código MALADEAVENTURAS para obter 5% de desconto. E quer uma dica? Tem mais 5% de desconto no boleto bancário.


Seguro Viagem: Oriente Médio
GTA 60 EUROMAX GTA 60 EUROMAX Assistência médica EUR 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 22/dia*
TA 40 Especial - Internacional TA 40 Especial - Internacional Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 10/dia*
AT 40 INTER AT 40 INTER Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.500 (COMPLEMENTAR) R$ 27/dia*

Como é o transporte na Jordânia?

A Jordânia é um país relativamente pequeno. É possível atravessar o país de norte a sul em pouco mais de 5 horas. Isso significa que para ir de Amã até Wadi Rum ou Aqaba você não terá que enfrentar horas de transporte, especialmente se for parando no caminho.

Para viajantes independentes, as melhores opções são alugar um carro para rodar pelo país, contratar um tour que inclua motorista durante a viagem, ou pegar táxis locais ou carros particulares para determinados trechos. O transporte público é limitado, mas você pode combinar o transporte público com os táxis locais se você estiver com um orçamento apertado.

Nós alugamos um carro e, como sempre, amamos a liberdade de ter nosso próprio tempo para fazer conhecer o país. Dirigir pela Jordânia é bastante fácil e as rodovias lembraram as brasileiras: alguns trechos com asfalto novinho, outros com marcações desbotadas e alguns pardais pouco sinalizados.

Dica: costumo alugar pelo Rent Cars. Esse site compara os preços entre as melhores locadoras do seu destino, o que economiza uma baita pesquisa. Além disso, gosto do fato de poder pagar sem IOF e poder parcelar no cartão.


Clique aqui para fazer a cotação do carro para a sua viagem.


Qual é a melhor época para visitar a Jordânia?

A melhor época para visitar a Jordânia é de março a maio, durante a primavera, ou entre outubro e novembro (outono). As temperaturas podem ser quentes demais no verão e congelantes no inverno, por isso não recomendo viajar em outros meses.

Nós viajamos no início de abril e o tempo estava perfeito: os dias eram quentes e ensolarados (25-30 graus) com brisas frescas agradáveis à noites (15-22 graus).

Wadi Musa Jordânia
Dias quentes e noites fresquinhas durante nossa viagem.

O que vestir na Jordânia?

Como na maioria dos países do Oriente Médio, a vestimenta local da Jordânia é mais conservadora do que a típica vestimenta ocidental. Contudo, o país está acostumado a receber turistas e não há um código de vestimenta para nós ocidentais.

Eu pessoalmente me senti mais confortável com saia longa ou calça e um lenço para cobrir meus ombros. Já no Mar Morto, pude usar meu biquini brasileiro sem problema algum. Haviam algumas moças locais com roupas de banho cobertas e diversas outras turistas com biquinis comuns no ocidente.


Qual é a língua da Jordânia?

Os jordanianos falam árabe, mas o inglês é amplamente falado em áreas turísticas. Dica: aprender algumas frases-chave em árabe, como obrigado (shok-ran), é sempre legal para poder se aproximar dos locais.


Qual é a moeda da Jordânia?

A moeda da Jordânia é o dinar jordaniano e é fácil de encontrar caixas eletrônicos ou casas de câmbio em Amã e outros destinos turísticos. Vale saber: 1 JOD = R$5,50.

Além de um cartão de crédito internacional, sugiro que você leve dólares ou euros para trocar. É sempre bom ter dinheiro em espécie para utilizar em lugares menores e para pagar um taxi ou um lanche na rua. Mas lembre-se de verificar com antecedência se o seu alojamento aceita cartões de crédito. Nosso acampamento em Wadi Rum, por exemplo, aceitava apenas pagamento em dinheiro.


Quanto custa uma viagem à Jordânia?

Surpreendentemente, a Jordânia não é um destino de viagem muito barato e os preços podem variar muito. Nós ficamos em campings e hotéis mais acessíveis por cerca de JOD 40 a JOD 50 por noite (para 2 pessoas), enquanto um hotel mais legal vai custar em torno de JOD 150 a JOD 200 por noite.

Lembre-se de considerar o custo das atividades também. Uma excursão de jipe em Wadi Rum custará cerca de JOD 20-30 por pessoa e a entrada em Petra será de JOD 50 (não deixe de adquirir o Jordan Pass!).

Quanto à alimentação, uma refeição legal (para 2) em um local turístico custará cerca de JOD 15-30. Se você preferir algo mais em conta, é possível encontrar refeições por JOD 5.

acampamento wadi rum
Comida árabe deliciosa e muito bem servida em nosso acampamento em Wadi Rum

Lugares imperdíveis para visitar na Jordânia

Agora que você tem em mãos todas as dicas para você planejar sua viagem para a Jordânia, vamos ao roteiro da sua viagem. Aliás, fica aqui mais uma dica MARA para você: durante essa viagem, criei uma planilha de planejamento do Mala de Aventuras.

Nela, pude colocar todo o meu itinerário dia a dia, além de ter um controle de gastos e informações sobre hotéis e reservas em um único lugar. Modéstia a parte, achei essa planilha muito prática e simples de mexer. E não custava nada compartilhar essa ferramenta com vocês: clique aqui para fazer o download.


Confira a lista completa com 10 lugares imperdíveis para conhecer na Jordânia.


Assinalei no mapa abaixo as principais cidades para você inserir no seu roteiro, lembrando que há diversos atrativos próximos à Amã. Se você busca uma viagem com um lado mais religioso e espiritual, é na capital que você encontrará os principais lugares históricos para visitar.

Mapa com os principais pontos para você conhecer na sua viagem para a Jordânia
Mapa com os principais pontos para você conhecer na sua viagem para a Jordânia

1. Amã

Capital da Jordânia, Amã, tem uma dualidade bastante interessante! Há um lado ocidental, com lojas, restaurantes e cafés com estilo mais contemporâneo, e um lado oriental, com tradições muçulmanas mais preservadas. 

2. Jerash

Um dos locais mais romanos fora da Itália, a antiga cidade de Jerash não pode ficar de fora de seu roteiro pela Jordânia! Muitas vezes ofuscada pela mundialmente famosa Petra, as ruínas de Jerash são menos abarrotadas de turistas e são uma ótima pedida para um bate e volta saindo de Amã.

3. Petra

Considerada uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno e um Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, Petra certamente é um dos destinos mais cobiçados pelos viajantes de todo o mundo. A cidade é também cartão postal da Jordânia e é, certamente, o local que mais atrai turistas ao país. Veja aqui as minhas dicas para a sua viagem à Petra.

4. Wadi Rum

Imagine ter uma experiência autêntica com o povo beduíno, acampando no deserto, experimentando a comida, a música e a dança típica da região? Wadi Rum foi uma das experiências de viagem mais memoráveis que tive na vida! Confira como foi a minha experiência ao acampar com os beduínos na Jordânia.

Camping em Wadi Rum na Jordânia
Acampamento em Wadi Rum

5. Mar Morto

Flutuar no Mar Morto certamente está na sua bucket list de viagem e a experiência é realmente incrível. A alta concentração de sal neste lago (sim! o Mar Morto é um lago!) permite que você flutue com facilidade e tire aquelas clássicas fotos lendo um jornal. Confira a minha experiência aqui.

6. Aqaba (Mar Vermelho)

O Mar Vermelho é um famoso local para fazer mergulho com cilindro. Se você já é mergulhador certificado, provavelmente tem esse destino no radar, se você nunca teve essa experiência, que tal fazer um mergulho de batismo? Explorar a vida marinha dessa região é uma experiência imperdível para se ter na Jordânia.


Leia também:

Mar Vermelho Egito: Hurghada, Dahab, Sharm el Sheik ou Marsa Alam?


Roteiro Jordânia: opções para 3, 5 ou 10 dias de viagem

Com 5 dias à minha disposição, eu optei por fazer um roteiro turístico pela Jordânia que incluía Petra, um camping com os beduínos em Wadi Rum e o Mar Morto. Mas aqui vai minha primeira dica deste artigo: para um itinerário completo, indico que você fique ao menos 10 dias.

Jordânia: Roteiro de 3 dias

Se você tem apenas 3 dias para explorar a Jordânia, será necessário priorizar alguma das atrações principais do país. Eu acredito que Petra seja seu destino número 1, de modo que o mesmo poderá ser combinado com uma ida ao Mar Morto e alguns locais históricos dos arredores, como Jerash, Karak, Madaba e o Rio Jordão.

Como organizar sua viagem: 1 noite em Wadi Musa (Petra) + 2 noites em Amã

Dica: Ao optar por ficar uma ou duas noites na capital, você poderá fazer alguns bate-volta de Amã, como o tour guiado até Jerash e o tour para o Mar Morto.

Jordânia: Roteiro de 5 dias

O que fazer na Jordânia com 5 dias de viagem? Eu diria que esse é o mínimo necessário para conhecer o principal do país, mas ainda assim você terá que fazer algumas concessões. Se você quer conhecer o lado religioso do país, utilize Amã como base para conhecer Karak, Madaba, o Rio Jordão e outros locais históricos. Caso você queira fazer um roteiro turístico tradicional, sugiro priorizar Petra, Wadi Rum e o mar Morto (minha escolha!).

Mar Morto da Jordânia
Experiência imperdível no Mar Morto: banho de lama

Como organizar sua viagem: 1 noite em Amã + 2 noites em Wadi Musa (Petra) + 2 noites em Wadi Rum

Jordânia: Roteiro de 10 dias

Se você quer conhecer tudo que a Jordânia tem a oferecer, fique ao menos 10 dias no país. Assim você poderá explorar Petra com calma, passar algumas noites no deserto de Wadi Rum com os beduínos, mergulhar no Mar Vermelho, flutuar no Mar Morto, conhecer os cânions de Wadi Mujib e diversos locais históricos e religiosos.

Como organizar sua viagem: 2 noites em Amã + 2 noites no Mar Morto + 2 noites em Wadi Musa (Petra) + 2 noites em Wadi Rum  + 2 noites em Aqaba


Conclusão: montar seu roteiro para a Jordânia agora ficou fácil, não é mesmo?

Está pronto para embarcar nessa aventura? Pode ter certeza que fazer turismo na Jordânia será uma experiência inesquecível! Você vai se deparar com paisagens incríveis, uma cultura super diferente da nossa, uma rica história, uma culinária exótica e, principalmente, um povo bastante hospitaleiro.

E se ficou qualquer dúvida, é só deixar um comentário que tentarei ajudar com o que eu puder! Por aqui, o nosso objetivo é que você saia sem nenhuma dúvida, pronto para uma viagem memorável!


Está planejando seguir viagem para outros destinos da região? Continue sua leitura sobre o Egito e Israel:

Viagem para o Egito: 20 coisas que você precisa saber antes de ir

Pirâmides do Egito: 10 dicas essenciais para a sua visita

Roteiro Israel: o melhor GUIA para montar o seu roteiro de 5, 7 ou 10 dias de viagem

O que fazer em Jerusalém: GUIA completo + MELHORES passeios


 

Cadastre seu e-mail e receba novidades!

faça parte da nossa lista, é de graça!

I will never give away, trade or sell your email address. You can unsubscribe at any time.